Participamos do

Tá na hora de trocar o óleo

01:30 | Mar. 01, 2018
Autor Gabrielle Zaranza
Foto do autor
Gabrielle Zaranza Estagiária de Agenda Cultural do Vida&Arte
Ver perfil do autor
Tipo Notícia


Quando eu devo trocar o óleo do meu carro?


O período de troca é determinando pela quilometragem. “Mas é possível acompanhar semanalmente o nível do óleo. Você mesmo puxa a vareta que está ao lado do tanque do óleo e pode checar”, explica Victor Fonseca, proprietário do Super Lojão do Óleo. Carros mais novos, com tecnologias recentes, têm um prazo bem maior nos intervalos de troca. Tudo vai depender do fabricante e do nível de manutenção do carro.


O QUE FAZER QUANDO A LUZ DE ÓLEO ESTÁ ACESSA?
 

“Desligue o carro imediatamente e entre em contanto com alguém para levar o carro em uma oficina”, enfatiza o mecânico da Ceará Autos, José Rodrigues. O especialista destaca que sem a lubrificação no motor, o carro pode travar e ficar com defeito.
 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

POSSO COMPRAR O ÓLEO QUE O FRENTISTA DO POSTO DE COMBUSTÍVEL ME OFERECE QUANDO EU VOU ABASTECER?
 

“O ideal é ir a uma loja especializada. O frentista geralmente tem uma comissão sobre a venda ao motorista e, nem sempre, tem a informação necessária sobre a necessidade do veículo e acaba vendendo um óleo inadequado”, avisa Victor Fonseca. Os erros mais comuns ao comprar óleo nos postos são: colocar óleo acima do nível necessário, o óleo estar fora do prazo de troca ou antes do tempo. “O óleo ideal para o veículo está descrito no manual do carro, assim como a capacidade de quantos litros são necessários. Essas informações são validadas pela Associação de Petróleo Internacional (API)”, explica Victor.
 

É PRECISO MISTURAR ALGUM TIPO DE ADITIVO AO ÓLEO DO CARRO? ISSO MELHORA O DESEMPENHO DO MOTOR?
 

O óleo é um coquetel. “Tem em torno de 90% de óleo básico e um pacote de aditivos. Substâncias que podem ser antiespumante, anticorrosivo, detergente, por isso, garantem o funcionamento total do carro”, explica Victor Fonseca. Não é necessário adicionar substâncias extras ao óleo, ele em si já possui todos os aditivos necessários ao carro. 

 

Dicas e serviços   

 

PICAPE
[FOTO2] 

Amarok por R$ 184.990
 

A picape Amarok V6 chega ao mercado por R$ 184.990. Garante mais recursos de segurança, inovação e conectividade. A Amarok V6 Highline com o motor 3.0 V6 TDI (turbodiesel) tem o maior torque (550 Nm/56,1) kgfme a maior potência (225 cv) da categoria. São sete versões e três faixas de potência. A versão S (disponível em cabine simples ou cabine dupla), conta com o motor 2.0 turbodiesel com 140 cv de potência, câmbio manual de seis marchas. As opções SE, Trendline e Highline são equipadas com o motor 2.0 diesel com câmbio manual (versão SE) ou transmissão automática de oito velocidades (item de série nas versões Trendline e Highline).   

 

LAND ROVER

[FOTO3]
Defender Works V8 


A Land Rover Defender Works V8 já esgotou em apenas um mês de vendas. O modelo que comemora os 70 anos da companhia foi produzido usando unidades semi-novas, com até 32 mil km rodados. A principal alteração dos 150 modelos produzidos no mundo era a saída do motor quatro cilindros diesel de 122 cv por um V8 5.0 de 405 cv. O câmbio é o automático de oito marchas. Reino Unido, Europa, Norte da África e clientes do Oriente Médio puderam comprar o Defender que é considerado o mais potente já produzido por a partir de 170 mil euros. 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente