...E sempre algo mais
PUBLICIDADE

VERSÃO IMPRESSA

...E sempre algo mais

2018-08-07 01:31:00

- CONQUISTA inédita pelo Ferroviário implica em calendário mais rechonchudo em 2019, até chegar ao fatídico mata-mata.

 

- CBF tão milionária pra umas coisas, tão miserável pra outras. Querem ver? Série C não tem cotas, quer dizer, chegada do Ferrão na Série C não alivia o bolso. Ao contrário.

 

- QUEM reparou? Não afeito a oba-oba, técnico Marcelo Vilar, fundamental pra nova postura do Ferrão, deixando emprego certo, não aparece em nenhuma foto. Sequer naquela em que os papagaios de piratas deitam e rolam. Uns gaiatos.

 

- NÃO direi fundamental, mas preponderante sim, chegada do executivo Jurandi Júnior. Aquele que vale por uma diretoria, dez vezes melhor que o Segurado e Papelin juntos. Foi dele varredura no elenco, a partir do Fogueteiro outro grande blefe.

 

- FERRÃO cravou rastro da grande conquista: Campeonato Cearense, logo a seguir Série C, de permeio Copa Fares Lopes, cujo campeão garante Copa do Brasil, embolsando R$ 500 mil.

 

- DUPLA de ouro funcionou assim. Walmir Araujo com habilidade de raposa vivida e Francisco Neto, o dos tecidos, com a grana pra bancar elenco. Os dois nunca desafinaram.

 

- FALTOU agradecer. Fá-lo-ei agora. Desistência do Alto Santo, janela que se escancarou pro Ferrão voltar ao grupo de elite, a partir do qual portas do céu também se abriram.

 

- TAÇA de Campeão Brasileiro pesa quase 10 quilos. Walmir me prometeu réplica, pois uma vez Ferrão, Ferrão até morrer.

 

CARA PRA LUA

 

... E O Juninho, hein! Deu nova vida ao Ceará tornando-o intenso; fez gol quebrando tabu de 30 anos em Curitiba; de lambugem também Campeão Brasileiro pelo Ferrão, de onde saiu pra vitaminar Alvinegro. Até então, um time amorfo. Tem outro detalhe. De Quixadá não é e, sim, de Senador Pompeu. Por sinal meu berço, ou seja nasceu com a cara virada pra lua.

 

BOCA NO TROMBONE

 

- ROGÉRIO Ceni botou a boca no trombone espinafrando, sem dó, gramado do Castelão. De uns tempos pra cá ocupado por rachas de não sei quantos "subs" por aí afora.

 

- CÊNI falou, Luarenas tremeu nas bases. Veio de lá com nota se defendendo, onde fala em "sombreamento"(?). Aliás, mal redigida.

 

- ELE só pisou no tomate quando ameaçou ir também pro PV que virou talismã do Ceará. E torcedor tricolor que se preza, meteu rival no meio, bota também sua boca no trombone. Pra lá? Nunquinha.

 

OLHAR DE LINCE

 

... NÃO fora Everson debaixo das traves, pegando tudo, o que seria do Ceará? Aliás, ele é hoje um dos 5 melhores do Brasil.

 

... LISCA acertou na mosca. Aquela dupla Edinho-Richardson não tem pra ninguém. Por sinal, Edinho, dois jogos, dois cartões, madeira de dar em doido perde longe.

 

... FORTALEZA pulou fogueira maior que o Pici, não trazendo o Grampola, do Paraná. Ruim de doer. Éderson é dez vezes melhor.

 

... JUNINHO fez gol de craque, depois perdeu um cara a cara. Digno de perna de pau que não é.

 

... BROKS entrou na quarta-zaga, deu conta do recado. Quem se lembrou que o Luiz Otávio existe?

 

... ÚLTIMAS contratações do Ceará, este João Lucas foi o melhor lateral esquerdo que passou em Porangabuçu. Últimos 5 anos, embora ilustre desconhecido.

 

... ARTHUR pisando na bola, longe de ser aquele goleador implacável. Não demora, perde posição para Elton. Que jamais disse a que veio, reforço inútil apesar fama.

 

... MARCINHO, primeiro gol do Fortaleza. Mandou fazer fila, trocou de pé, coisa que nem o Osvaldo fez. Como drible e em velocidade.

 

... MARLON jogando onde sabe, bola voltou a ser redonda. Disparado, o melhor em campo contra Coritiba. Aprende, Cêni!

 

VEJA MAIS: FORTALEZA É CAMPEÃO DO 1º TURNO DA SÉRIE B | NA PRANCHETA #28

[VIDEO1] 

ALAN NETO

TAGS