PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Efeitos colaterais

2018-01-19 01:30:00
NULL
NULL

Dos gols marcados por Gustavo, segundo, o mais bonito, matou no peito, desviou rápido do seu marcador pra fuzilar o goleiro. Tudo isso num átimo de segundo. Demais, mostrou incrível senso de oportunismo, carimbando sua estreia com quatro gols. Torcedor foi à loucura. Fato raro, contudo, não inédito no futebol cearense.

ANTES dele, anos atrás, Rinaldo, aquele mesmo que se tornou ídolo da torcida tricolor, mesmo que de forma fugaz, marcou quatro gols logo na estreia, contra o Ferroviário.
 

NÃO ficou só aí. Foi mais além. Partida seguinte, contra rival Ceará, este mesmo Rinaldo fez mais quatro. Pode ser folclore. Ou conversa inventada. Porém é rigorosamente vero.
 

QUAL o efeito colateral? Simples explicar. A partir de agora, já consagrado como artilheiro, a torcida tricolor, exigente que só, vai querer sempre que o Gustagol balance as redes. E se não balançar? Corre o risco de entrar no rol dos artilheiros de jogo de estreia. Futebol brasileiro, então, está infestado.
 

LADRÃO DE CENA
 

PERGUNTAR não ofende. Nem tira pedaço. Enfim, quem roubou a cena - estreia de Rogério Ceni ou os quatro gols do Gustagol? Pronta resposta: torcedor adora ver a rede balançar e quem os faz. Nesta aí, o mito Ceni ficou em segundo plano.
 

O MAPA E A MINA
 

CEARÁ volta a campo hoje. Por qual competição? Estreia no Estadual. Contra quem? Guarani-Juazeiro. PV de todos nós.
 

CHAMUSCA decidiu. Vai lançar mesmo time que começou o Nordestão vencendo Salgueiro, 2 a 0.
 

PODIA ser o time reserva tão forte quanto o primeiro. Este ficará pra partida em Iguatu, domingo que vem.
 

MOTIVO? Haverá sempre revezamento pra evitar desgaste físico. Prioridade, Nordestão, o mapa da mina. É ali onde o dinheiro corre frouxo, acréscimo de cota maior a cada nova fase.
[FOTO1] 

OLHAR DE LINCE
 

... ROGÉRIO Ceni vestiu camisa social azul, não a camisa oficial do clube. Ninguém reclamou. E quem seria besta?
 

... NÃO demorou pra sentir os efeitos do calor. Intervalo,
a camisa estava ensopada. Ceni não mudou. Argh!
 

... LUAN Carlos, técnico do Uniclinic, pagou caro pela ousadia. Quis enfrentar Tricolor de peito aberto. Tome goleada!
 

... NEM sempre se repete a passagem bíblica de Davi x Golias. Aliás, no PV, nem baladeira tinha por perto....
 

... GUSTAGOL à parte, dono da bola, do jogo e dos gols, da turma desconhecida, surpreendente bom este Léo Natel.
 

... TENTEM explicar a vontade, mas aquele público de 3.190 rotundo fracasso. Presença de Ceni merecia o triplo.
 

... OK, ok. E aquela camisa com as logomarcas particulares do Ceni só servem pras treinos? Hora do bem bom, telinha global, terminantemente proibidas? Então, tá...

ALAN NETO

TAGS