PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Cada qual para seu lado

2017-10-14 01:30:00

CEARÁ, SUBIR ... FORTALEZA, TÍTULO


CEARÁ e Fortaleza, cartadas decisivas hoje. Um fora. Outro aqui. Coincidência, mesmo horário, 19 horas.
 

TRICOLOR, Castelão, contra CSA, melhor índice técnico da Série C. Fortaleza emparelhou.
 

ALVINEGRO enfrenta Oeste, que não perde há oito jogos em sua casa Barueri ou fora de lá.
 

FORTALEZA no Castelão, nesta fase decisiva, sempre partiu na frente, ou seja, venceu a primeira.
 

CAMPANHA do Ceará, fora do Castelão, pode ser considerada boa, mas bem podia ser melhor.
 

OBJETIVO principal, caso Fortaleza, acesso já foi conquistado. Título, se vier, será inédito em sua história.
 

CEARÁ quer chegar ao Brasileirão, não tão longe, contudo, não tão perto assim. Pra torcida, questão de honra.
 

TIME por time, Fortaleza é melhor que CSA? Números indicam que não, em mata-mata não se pode confiar.
 

CEARÁ joga por 15 pontos fatais, metade fora, outra metade aqui. Só? Precisamente aí onde mora o perigo.
 

TRICOLOR chega ao acesso com pior time dos últimos quatro anos, porém chegou, é o que importa. E os outros que chegaram? Piores ou iguais a ele.
 

ACHADOS & PERDIDOS
 

.CHAMUSCA volta às origens contra Oeste, com Raul e Richardson, dupla (quase) perfeita no bloqueio.
 

.ZAGO ousa num 4-3-3, pois, aqui dentro vencendo ficará a meio palmo do título nacional.
 

.O QUE é que o Oeste tem que Ceará não tem? Ora, ora, Mazinho, artilheiro da Série B.
 

.CSA sob comando de Flávio Araújo, com velhas e entaladas contas a ajustar.
 

.SEM Pedro Ken, Ceará piora ou melhora? Quem tem padrinho qual Chamusca não morre pagão.
 

PINGA-FOGO
 

... FLÁVIO Araújo, meu Trem das 5, pinga-fogo, sem papas na língua... “NÃO esperava ser chamado pelo CSA. Mas o cavalo passou selado na minha porta/// “PEGUEI prato feito, sim, mas o molho é meu.. /// “TODO jogo adotamos uma estratégia diferente. Com o Fortaleza não será diferente.../// “EDINHO, que foi cria do Fortaleza evoluiu uns 80%, agora jogando na posição certa.../// “ESSA história de santo de casa, só sei que não preciso provar mais nada...”. 

 

25 mil ingressos vendidos pra hoje, não havia mais meia pra vender. Cambistas continuam deitando e rolando, ninguém faz nada, nem descobre o ninho dessa máfia. Isso posto, pressupõe-se público acima de 40 mil. Podia chegar aos 50 mil, se ingresso fosse $ 30 e 15. Mais uma vez a ganância falou mais alto 

ALAN NETO

TAGS