PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Uma semana de atraso...

2017-08-21 01:30:00
NULL
NULL

CEARÁ, POR ACASO, FOI A CAMPO?


DIRETORIA do Fortaleza anda tão devagar em tomar atitudes que Bonamigo só veio cair após a derrota (2 a 0) pro Sampaio Corrêa, colocando em risco chegada do Tricolor até mesmo ao mata-mata.


SE os dirigentes tricolores tivessem ouvido o clamor da torcida, através de vaiais e gritos “timinho” após o empate com o Cuiabá, ali mesmo no vestiário teria dado o cartão vermelho ao Bonamigo.


GANHARIA uma semana, novo técnico já estaria em ação pra mudar tudo o que tem de errado dentro do time, pois saltam aos olhos até ao torcedor mais leigo. Só a diretoria, perdida e cega, não quis enxergar algo tão óbvio.


PARA perdurar tanto tempo como treinador, Bonamigo só podia ter padrinho muito forte ou então pra implicar, de propósito, com a imprensa que criticava ou com a torcida que pedia a cabeça do técnico.


AGORA, correndo contra o tempo, apenas três rodadas para, ao menos, tentar chegar ao mata-mata fecha com novo nome, Zago, que posará e envergará o pomposo (?) rótulo de salvador da pátria. Não foi por falta de aviso, de gritos de alerta. Quem não ouve, finge-se de surdo. Quem não enxerga, finge-se de cego...

[FOTO1]

FANTASMINHA CAMARADA


. FIM do reinado de Chamusca, montado em quatro vitórias seguidas, acabou de forma melancólica. E vergonhosa.


. PERDER pro Boa não seria nada do outro mundo. Contudo, ser goleado (4 a 1), simplesmente desmoralizante.


. O QUE é pior. Ceará foi goleado jogando pedra na lua, desnorteado, zonzo, um fantasminha camarada.


. BOA, do velho e sábio Nedo Xavier, foi construindo a goleada do jeito que bem entendeu e como bem quis.


. ALIÁS, tinha pregado aviso no meu Trem das 5, um dia antes: ”Essa história de fazer mistério é pura bobagem”.


. BOBAGEM e burrice, completo eu. Serviu pra quê esconder time, até relação de quem viajou? Taí o castigo.


RASTILHOS...


... PASMEM. Antes da escolha de Zago como novo técnico do Fortaleza, prepararam uma lista com quase dez nomes.


... ATÉ o Geninho estava dentro. Sérgio Soares, Zimmermann, Roberto Fonseca, Mazola Júnior, por aí vai.


... ANTES que esqueça. Pelo gosto da torcida, o nome preferido sempre foi o de Mazola Júnior. Mas, mais uma vez, o clamor e a voz rouca das arquibancadas não foram ouvidos.


PRA tentar

explicar a goleada do Boa, o técnico Chamusca passou mais de meia hora num falatório sem fim, diante de uma plateia de babacas, com o devido respeito aos colegas que foram ouvi-los por dever de oficio. Onde já se viu se explicar goleada de 4 a 1? Só na cabeça dele...

 

Adriano Nogueira

TAGS