PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Em dois pontos extremos

2017-06-10 01:30:00
NULL
NULL

QUE GRAÇA TEM CHAPA ÚNICA?
 

CEARÁ, hoje, Série B, na distante Pelotas, contra o Brasil, precisando vencer ou, na pior das hipóteses, empatar. Se perder o quadro tende a complicar.
 

FORTALEZA, amanhã, Série C, distante Cuiabá, em situação oposta. Como assim? Tricolor disparou, enquanto time de Mato Grosso está na lanterna.
 

NÃO vem ao caso traçar paralelos, pois são competições distintas. Uma, Série B, via pontos corridos, a outra, pontos corridos só na 1ª fase. Na 2ª, mata-mata.
 

PARALELO da campanha da dupla pode sim ser traçado. Fortaleza está melhor numa Terceirona onde o nível técnico é inferior. O que conta, neste caso, são os pontos obtidos.
 

COM uma lanterna na mão Givanildo procura uma formação ideal. Não consegue, por mais que tente. Ponto crucial é o ataque, que não funciona, apesar das experiências.
 

BONAMIGO, no Fortaleza, apegou-se a uma formação emergencial que está dando certo e vencendo. Resumo da ópera: Tricolor está no caminho certo. Alvinegro, feito biruta de aeroporto, perdeu o rumo e perdeu o prumo.
[FOTO1] 

QUE GRAÇA TEM?
. FORTALEZA elege hoje, em votação direta, seu presidente de número 70 em 99 anos de existência.
 

. COMO não há concorrente, embora devesse, o empresário Luís Eduardo Girão será o novo ungido.
 

. CONSTA que impôs como condição de aceitar a missão se não houvesse adversário. Há sinceridade nisso?
 

. NAS duas eleições anteriores, quase mil votantes. Agora, com apenas um candidato, faltará a emoção da disputa.
 

. LUÍS Eduardo é empresário de sucesso, contudo neófito em futebol. Ainda bem está cercado por dois vices do ramo.
 

. PARTICULARMENTE tem usado do seu prestígio pessoal para que os que têm direito a voto o prestigiem.
 

. DIRETORIA em si, poucas mudanças. Tirante Luís Eduardo, os vices já estavam lá, embora Desidério em posto maior.
 

. HÁ um motivo pra Desidério ter deixado a presidência do CD pra ocupar uma vice? Há sim.
 

. QUAL? Nas ausência do presidente, que tem residência em Miami, ele assume, conta e risco da sua experiência.
 

. NOVO presidente prega como lema a paz nos estádios. Na teoria, vale a boa vontade. Na prática, a realidade é outra.
 

. RIVAIS até a medula, a possibilidade de unir as duas torcidas é zero. Sem rivalidade o futebol não existiria.
 

ONDE O VENTO FAZ A CURVA
... CURIOSIDADE nos dois jogos de Ceará e Fortaleza fora de casa.
... EM cada uma das séries eles chegarão ao ponto mais extremo neste Brasil do tamanho de um continente.
... CEARÁ pra chegar a Pelotas percorreu 4.463 km, só de ida. Tem a volta pelo meio.
... FORTALEZA pra galopar a Cuiabá, que até fuso horário tem, voou 3. 184 km.
... ESPERA-SE tenha valido a pena ir tão longe. Vencer será ótimo. Empatar ainda compensa. Perder é retornar assoviando o amor febril pelo Brasil. E viva a democracia! 

 

PRIMEIRA derrota do Brasil, Era Tite, teria de acontecer um dia. De amargar tenha sido contra rival Argentina. Quando os dois se enfrentam o rótulo amistoso não funciona. Como também não funciona Brasil sem Neymar.
 

Jogo foi intenso. Como convém a dois rivais até o último fio de cabelo 

ALAN NETO

TAGS