PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Exercícios para o bebê construir vínculos

Além de estimular a autoconfiança e melhorar a percepção sensorial e motora, as atividades físicas facilitam a socialização e estreitam o relacionamento do bebê com os pais

00:00 | 08/10/2017

Cada sucesso é muito comemorado. Aprender a fazer bolhinhas, pular na água pela primeira vez ou pegar o brinquedo da cor indicada. Agora, a pequena Sarah, de um ano e cinco meses, já consegue mergulhar, para orgulho da mãe. “Eu tinha medo de como ela iria reagir, se iria se assustar”, conta a nutricionista Raquel Bessa, 30, que participa da aula com a filha. “É muito bom porque a gente fortalece a confiança uma na outra, principalmente dela comigo”, considera.

A prática da natação para bebês, de acordo com os especialistas, gera autoconfiança e perda do medo, bem como desenvolve habilidades incluindo equilíbrio e resistência física. “O bebê produz confiança em si e no companheiro, seja na mãe ou no professor. Tem a interação social com as outras crianças. A percepção sensorial e motora com relação à água e aos brinquedos. A coordenação motora fina, que já começa a aparecer, do tato, do levar à boca, do compartilhar”, descreve a professora de educação física Yndiara Nattodt.

Além do vínculo ser beneficiado, as atividades realizadas pela mãe ou pai e pelo bebê ajudam no desenvolvimento emocional da criança, conforme explica o psicólogo e psicanalista da Liga de Neurologia e Psiquiatria Infantil da Universidade Federal do Ceará (UFC), Daniel Franco. “De fato, você vai ter uma criança mais segura, autoconfiante e sociável e menos inibida e reservada. Não é só perder o medo da água, ela vai se tornar uma criança mais segura, capaz de enfrentar as ameaças externas, os perigos do mundo externo, do ambiente”.

“Ele se sente muito mais seguro não só de estar na água, mas de ter autoconfiança. Está com mais desenvoltura e mais segurança na água e fora também”, observa Juliana Alexandre, 33. A empresária e o marido sempre acompanham as aulas de natação do filho Miguel, de três anos. “A nossa maior motivação para a natação foi por ser um esporte supercompleto e pela segurança”, avalia.

Além da natação, algumas academias também oferecem um tipo de ginástica direcionada para bebês. O my gym, de acordo com a instrutora da modalidade, Sara Natguelle, tem o objetivo de trabalhar o desenvolvimento completo da criança, desde a parte cognitiva, até o social e a disciplina. “A gente trabalha muito o equilíbrio da criança, principalmente para os bebês que estão começando a andar. De acordo com a idade, traz divertimento e interação com outras crianças, além de aumentar o elo de ligação afetiva de pai e mãe, que devem acompanhar os bebês durante as atividades”, esclarece.

Equilíbrio, coordenação motora e fortalecimento de músculos como a lombar, abdômen, membros superiores e inferiores são alguns dos focos das atividades, que utilizam brinquedos e materiais pedagógicos para seu desenvolvimento.

“Eu observo muita diferença nele, é gritante. Tanto a parte de equilíbrio, que ele caía muito e agora está bem melhor, como a fala e segurança dele melhoraram. Tá muito mais ativo, interessado nas coisas, nas pessoas. Eu consegui cumprir algumas coisas com relação à rotina”, destaca a advogada Rafaella Rabelo, 31. Ela conta que, após começar a praticar o my gym, o filho, Pedro, de um ano e seis meses, também se alimenta e dorme melhor.

Ana Rute Ramires

 

 

Brincando de peixinho

Se no primeiro momento os pais ficam apreensivos e temem que o filho possa se assustar ou engolir água, ao longo das aulas, o medo dá lugar à satisfação. Pouco a pouco, as orientações e cuidados do professor dão segurança com relação ao processo de aprendizagem

Amor no mesmo passo

“É um processo. Nada vem pronto”, reflete Walléria Campelo sobre a maternidade. Educadora física, ela encontrou na dança, paixão antiga, uma aliada no processo de adaptação à nova vida após o nascimento de Gabriela, amor e parceira de dança para a vida toda

Força e equilíbrio brincando

Brincadeira também é atividade física! E pode ajudar a desenvolver flexibilidade, proficiência motora, equilíbrio e autoestima já nos bebês. Ginástica direcionada para bebês e crianças, o My Gym utiliza brinquedos e metodologias para ajudar no desenvolvimento motor

Tranquilidade

Enquanto Lilian coloca força para conseguir realizar os exercícios, Luca dorme tranquilo com a luz baixa e o som tranquilizante na aula de Mamy Baby Pilates

 

SERVIÇO

 

Little Gym

Rua Professor Dias da Rocha, 1200, Meireles. Tel: 3185 4068

Green Life

Avenida Coronel Miguel Dias, 200, Bairro Guararapes. Tel: 3241 0185

 

Academia Hedla lopes

Rua Vicente Lopes, 627, Cidade dos Funcionários. Tel: 3279 7428

Bienestar Pilates

Rua Leonardo Mota, 721, Loja 3, Meireles. Tel: 3091 6431

Passo Materno

Em domicílio. Tel: 9 8552 3696