PUBLICIDADE
Jornal
Barra do Ceará

Adolescentes recebem orientação sobre menstruação em ambulatório

18/03/2019 02:25:54

Crianças e jovens de 10 a 22 anos têm acesso a atendimento e orientação no Ambulatório do Adolescente, uma parceria entre o Cuca, postos de saúde e a Universidade Federal do Ceará. O projeto funciona todas as quintas-feiras a partir da 13h30min no Cuca Barra. Além de serviços como de psicólogo e assistente social, meninas do bairro podem ir ao local para tirar dúvidas sobre menstruação e receber tratamento quando passam por situações como amenorreia (ausência de fluxo) ou dismenorreia (dor na menstruação).

A estudante Raissa Mara, 15, ficou surpresa quando sua primeira menstruação chegou, aos 10 anos, apesar de já ter sido orientada por sua mãe anteriormente. "Ela já tinha me explicado para eu não ficar tão assustada, ensinou os cuidados, 'você vai ser mocinha uma hora'", conta. Ela costuma sentir bastante cólica durante o período menstrual e recebe ajuda no ambulatório.

A coordenadora do projeto de extensão da UFC que leva alunos a atender no Ambulatório do Adolescente, Tatiana Fiuza, conta que muitas meninas chegam ao local sem orientação nenhuma sobre menstruação. "Elas têm muitas dúvidas de não terem conversado em casa. Aqui é o espaço", pontua. Tatiana diz que muitas adolescentes procuram o atendimento já a procura de orientação sobre contracepção e que algumas têm iniciado a vida sexual mesmo antes da menarca.

 

HELOISA VASCONCELOS

TAGS