PUBLICIDADE
Esportes

Serena torce tornozelo, leva virada e é eliminada na Austrália

Deu zebra no Aberto da Austrália. Na madrugada desta quinta-feira, Serena Williams estava a um ponto de chegar às semifinais do torneio, quando ao sacar, acabou torcendo o tornozelo esquerdo no duelo contra Karolina Pliskova. Assim, a adversária venceu por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/4 e 7/5. Agora na fase semifinal, a [?]

08:00 | 23/01/2019

Deu zebra no Aberto da Austrália. Na madrugada desta quinta-feira, Serena Williams estava a um ponto de chegar às semifinais do torneio, quando ao sacar, acabou torcendo o tornozelo esquerdo no duelo contra Karolina Pliskova. Assim, a adversária venceu por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/4 e 7/5.

Agora na fase semifinal, a tcheca vai enfrentar a japonesa Naomi Osaka. Pliskova, que já liderou o ranking busca vencer o Aberto da Austrália e retomar a ponta. Sua adversária, é uma concorrente direta. Dessa forma, se confirmar o favoritismo e vencer o torneio, será mais uma vez número 1 da WTA.

No início da partida, a tcheca se saiu muito bem, abrindo 3/1. A norte-americana, por sua vez, tentou reagir após sair em desvantagem de 0/40, mas encontrava uma adversária dura, que seguia firme nos games de serviço.

No segundo set, Pliskova conseguiu a quebra e sacou em 3/2, mas sem aproveitar. Serena reagiu, quebrou o saque da rival sem conceder games na devolução e parecia que encaminharia a vitória.

Já o terceiro set, foi um massacre da norte-americana, tanto que com facilidade, abriu 5/1. No match point, Serena recebeu um foot fault, torceu o pé e perdeu o game. Foi aí que a heptacampeã não conseguiria mais jogar, mesmo com a vaga próxima.

A partir de então, a tcheca voltou a se salvar na base do saque e completou a virada ao ganhar todos os games, após a torção de Serena para garantir o triunfo histórico e alcançar a fase de semifinal do Aberto da Austrália.

Gazeta Esportiva

TAGS