PUBLICIDADE
Mais Esportes

Minas vence Curitiba e assume a liderança da Superliga Feminina

A 11ª rodada da Superliga Feminina de vôlei — a última do primeiro turno — trouxe mudanças na parte de cima da tabela. Jogando em casa, o Minas venceu o Curitiba por 3 sets a 0, com parciais de 25/21, 26/24 e 25/16, manteve a invencibilidade e colocou pressão sobre o Praia Clube. Isso porque, […]

21:45 | 11/01/2019

A 11ª rodada da Superliga Feminina de vôlei — a última do primeiro turno — trouxe mudanças na parte de cima da tabela. Jogando em casa, o Minas venceu o Curitiba por 3 sets a 0, com parciais de 25/21, 26/24 e 25/16, manteve a invencibilidade e colocou pressão sobre o Praia Clube.

Isso porque, com a vitória sobre o Curitiba, o Minas assumiu a liderança da Superliga Feminina ao somar 28 pontos, um a mais que o Praia, que ainda pode retomar a liderança se vencer o Sesc-RJ fora de casa. Por outro lado, o Curitiba continuou com 16 pontos e acabou ultrapassado pelo Osasco/Audax.

Bauru vence Fluminense e assume a terceira posição

Jogando fora de casa, o Sesi Bauru conquistou resultado importante. Visitando o Fluminense no Rio de Janeiro, a equipe do interior paulista enfrentou jogo equilibrado, mas venceu por 3 sets a 0, com parciais de 25/22, 25/21 e 25/23.

Com o resultado, o Bauru chega 7 vitórias em 11 jogos, soma 21 pontos e sobe para a terceira posição da Superliga, mas pode perder a posição em caso de vitória do Sesc-RJ sobre o líder Praia Clube ainda nesta rodada. O Fluminense fica na oitava posição com 16 pontos.

Barueri vence São Caetano em casa

Jogando em casa, o Barueri também conquistou importante resultado nesta sexta-feira. Diante do São Caetano, a equipe local não teve trabalho para vencer por 3 sets a 0, com parciais de 25/19, 25/16 e 25/19, e também subiu na tabela da Superliga.

A vitória por sets diretos deixa o Barueri com 20 pontos e a equipe sobe para a quarta posição, mas também pode ser ultrapasada pelo Sesc-RJ. Por outro lado, o São Caetano soma apenas cinco pontos e precisa evoluir no returno da Superliga para evitar o rebaixamento.

Osasco/Audax vence em Brasília

Também nesta sexta-feira, o Osasco/Audax foi a Brasília enfrentar o time local e volta para casa com três pontos na bagagem. O time de São Paulo teve pouca dificuldade para vencer por 3 sets a 0, com parciais de 25/11, 25/20 e 25/21.

Com a vitória, o Osasco soma 18 pontos e sobe para a sexta posição na Superliga ultrapassando Curitiba e Fluminense. O clube carioca perdeu para o Bauru e não pode retomar a posição nesta rodada, mas o time paranaense pode ultrapassar o Osasco se vencer o Minas. O Brasília continua na décima posição com nove pontos.

Camboriú vence a primeira na temporada contra o Pinheiros

A grande surpresa da rodada ficou por conta do Balneário Camboriú. Lanterna da Superliga, a equipe de Santa Catarina recebeu o Pinheiros e venceu por 3 sets a 1, com parciais de 25/22, 25/22, 14/25 e 25/20.

Apesar da primeira vitória na temporada, Balneário Camburiú ainda não deixa a última posição. A equipe catarinense soma apenas quatro pontos na competição, um a menos que o São Caetano. Enquanto isso, o Pinheiros continua com nove pontos e fica na nona colocação.

Gazeta Esportiva

Recomendadas para você

Comentários