?Federer mudou completamente o tênis?, afirma AndersonMais Esportes | Esportes O POVO 

PUBLICIDADE
Esportes


?Federer mudou completamente o tênis?, afirma Anderson

Não é novidade saber que Roger Federer recebeu elogios sobre seu talento e sua carreira vitoriosa no tênis. No entanto, nesta semana, o suíço foi destacado pela sua enorme capacidade de jogar em alto nível mesmo com a idade avançada, algo que, para Kevin Anderson, é uma situação que mudou a modalidade para sempre. ?Essa [?]

14:45 | 06/12/2018

Não é novidade saber que Roger Federer recebeu elogios sobre seu talento e sua carreira vitoriosa no tênis. No entanto, nesta semana, o suíço foi destacado pela sua enorme capacidade de jogar em alto nível mesmo com a idade avançada, algo que, para Kevin Anderson, é uma situação que mudou a modalidade para sempre.

?Essa história de ser velho é cada vez menos relevante. As coisas mudaram, não tem como negar isso. A forma como Roger Federer joga tênis aos 37 anos muda a dinâmica da modalidade para sempre. Olhe o que ele está fazendo, é impressionante. Estar no topo e conquistando tantos títulos?é algo que mudou de vez o tênis?, afirmou o tenista sul-africano.

Além de ressaltar a importância de Federer, o atual número seis do mundo opinou sobre algo que está frequente no tênis atual: tenistas altos conseguindo excelentes resultados. ?É algo que se tem discutido. A altura facilita muitas coisas e obviamente dificulta outras. Mas com o trabalho que tem sido feito, os jogadores altos movimentam-se cada vez melhor, tanto no fundo de quadra como quando querem ir para a rede, e disfarçam essas dificuldades?.

Curiosamente, Anderson foi um dos principais algozes do suíço na última temporada. Favorito para ganhar mais uma vez Wimbledon, Federer enfrentou sul-africano nas quartas de final do terceiro Grand Slam do ano, e, depois de ganhar os dois primeiros sets, perdeu intensidade, pecou nos pontos importante e viu o adversário virar e vencer uma das partidas mais memoráveis do tênis.

Em 2018, Anderson não se destacou apenas por ter eliminado Federer em Wimbledon, como pelos títulos que conquistou: o ATP 250  de Memphins e o ATP 500 de Vienna.

Gazeta Esportiva

TAGS