PUBLICIDADE
Mais Esportes

Federer não brilha, mas vence e avança às quartas em Xangai

Na manhã desta quinta-feira, o suíço Roger Federer entrou em quadra pelas oitavas de final do Masters 1000 de Xangai e assim como foi na estreia, contra Daniil Medvedev, novamente teve uma partida dura, com oscilações de desempenho. Diante do espanhol Roberto Bautista Agut, número 28 do mundo, Federer conseguiu uma vitória suada por 2 […]

10:15 | 11/10/2018

Na manhã desta quinta-feira, o suíço Roger Federer entrou em quadra pelas oitavas de final do Masters 1000 de Xangai e assim como foi na estreia, contra Daniil Medvedev, novamente teve uma partida dura, com oscilações de desempenho. Diante do espanhol Roberto Bautista Agut, número 28 do mundo, Federer conseguiu uma vitória suada por 2 sets a 1, parciais de 6/3, 2/6 e 6/4, em 1h52 de jogo.

Em sete jogos com Agut, o suíço jamais havia perdido um set sequer, mas desta vez correu risco inclusive de ser eliminado. Com a vitória, o número 2 do mundo avança às quartas de final e agora terá pela frente o japonês Kei Nishikori, número 12 do mundo, que venceu o americano Sam Querrey por 7/6 (7) e 6/4.

Federer não foi espetacular no primeiro set, mas fez o que era necessário para sair na frente. Conseguiu uma quebra simples logo no início, e após salvar um break-point, conseguiu um bom aproveitamento no seu saque para fechar em 6/3.

Na segunda parcial, o suíço caiu de desempenho. Roberto Bautista Agut foi superior, enquanto Federer sofreu três quebras e marcou apenas nove pontos com seu serviço, com aproveitamento de 47% quando jogou com seu primeiro saque. Dessa forma, sem dificuldade, o espanhol conseguiu fechar em 6/2.

No terceiro set, o número 2 do mundo voltou a melhorar. Mesmo tendo que salvar um break-point, o suíço elevou para 88% o aproveitamento do primeiro saque, e no nono game, após quatro tentativas, conseguiu a quebra para sacar e fechar em 6/4.

Gazeta Esportiva

Recomendadas para você

Comentários