Whiting vê ajustes na pista de Singapura como ?desperdício de tinta?Mais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Whiting vê ajustes na pista de Singapura como ?desperdício de tinta?

No último Grande Prêmio de Fórmula 1, realizado em Singapura, a Federação Internacional de Automobilismo decidiu adicionar uma linha do lado externo da zebrada na curva 7. O objetivo era dar uma indicação do limite da pista para que os pilotos não extrapolassem o determinado. Mas, a decisão parece não ter agradado Charlie Whiting, diretor de [?]

16:45 | 20/09/2018

No último Grande Prêmio de Fórmula 1, realizado em Singapura, a Federação Internacional de Automobilismo decidiu adicionar uma linha do lado externo da zebrada na curva 7. O objetivo era dar uma indicação do limite da pista para que os pilotos não extrapolassem o determinado. Mas, a decisão parece não ter agradado Charlie Whiting, diretor de provas da categoria.

?Honestamente, acho que foi um desperdício de tinta. Suspeito que era mais rápido ficar na zebra, e não passar dela. Olharemos uma solução diferente para o ano que vem, mas isso simplesmente não era possível depois da sexta-feira. Acho que, na classificação, a menos que ela tenha atuado como um impedimento, o que eu duvido, eles estavam indo dois metros antes da linha?, avaliou.

Durante a prova, os carros passaram da linha em questão em apenas duas oportunidades, e ambas enquanto os pilotos disputavam posição. ?Eram só dois carros brigando e absolutamente não era nada para se preocupar?, acrescentou Whiting.

A próxima etapa da F1 será o Grande Prêmio da Rússia, que acontece a partir do dia 28 de setembro, no autódromo de Sochi. Lewis Hamilton é o líder do campeonato, com 281 pontos, 40 a mais que o segundo colocado, Sebastian Vettel.

Gazeta Esportiva

TAGS