Raikkonen lamenta segundo lugar: ?Não tinha nada que eu poderia fazer?Mais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Raikkonen lamenta segundo lugar: ?Não tinha nada que eu poderia fazer?

Kimi Raikkonen esteve entre as primeiras posições do GP da Itália durante quase todas as 53 voltas. Contudo, depois de Valtteri Bottas o segurar e ir para os boxes, o piloto da Ferrari acabou cedendo a primeira colocação para Lewis Hamilton principalmente após bolhas surgirem no seu pneu traseiro. ?Acredito que éramos rápidos o suficiente, [?]

13:15 | 02/09/2018

Kimi Raikkonen esteve entre as primeiras posições do GP da Itália durante quase todas as 53 voltas. Contudo, depois de Valtteri Bottas o segurar e ir para os boxes, o piloto da Ferrari acabou cedendo a primeira colocação para Lewis Hamilton principalmente após bolhas surgirem no seu pneu traseiro.

?Acredito que éramos rápidos o suficiente, mas nossos pneus traseiros acabaram e, a partir daquele momento foi uma batalha perdida?, comentou o terceiro colocado no Mundial de Pilotos, que viu o britânico disparar após assumir a ponta.

O finlandês ainda se mostrou insatisfeito com o resultado final em Monza apesar das circunstâncias encontradas. ?Estou desapontado, mas não tinha nada que eu poderia fazer?, completou o piloto de 38 anos.

Raikkonen chegou a 164 pontos após a segunda colocação no GP da Itália e tem cinco pontos a mais do que o seu compatriota Valtteri Bottas.

Gazeta Esportiva

TAGS