Cartunista é criticado por charge polêmica de Serena WillamsMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Cartunista é criticado por charge polêmica de Serena Willams

As ações cometidas por Serena Williams durante a decisão do US Open, no último sábado, ainda estão rendendo polêmicas. Desta vez, o cartunista australiano Mark Knight vem recebendo várias críticas por uma charge da tenista Serena Williams e vem sendo acusado de racismo e sexismo, entre outros, pela escritora britânica JK Rowling, autora da saga Harry [?]

10:30 | 11/09/2018

As ações cometidas por Serena Williams durante a decisão do US Open, no último sábado, ainda estão rendendo polêmicas. Desta vez, o cartunista australiano Mark Knight vem recebendo várias críticas por uma charge da tenista Serena Williams e vem sendo acusado de racismo e sexismo, entre outros, pela escritora britânica JK Rowling, autora da saga Harry Potter.

As críticas feitas pelos leitores destacam os aspectos e comportamentos extremamente exagerados da atleta norte-americana. Além disso, outra crítica se dá pelo fato da representação da tenista Naomi Osaka ter sido feita através de uma mulher ?branca e loira?.

Durante a decisão do Grand Slam, a tenista americana sofreu três penalizações devido ao seu comportamento durante a final. Ao final da partida, Serena reclamou de sexismo por parte do árbitro, questionando se homens e mulheres são tratadas da mesma maneira no esporte. A tenista foi multada em 17 mil dólares (R$ 70 mil).

Conhecido por suas charges polêmicas, o cartunista foi amplamente criticado. Uma das críticas ao desenho foi feita pela escritora JK Rowling, responsável pela criação da saga Harry Potter. ?Parabéns por ter reduzido uma das maiores esportistas vivas a traços racistas e sexistas e por ter transformado outra grande esportista em um acessório sem rosto?, criticou a escritora JK Rowling.

Outra crítica bastante forte ao desenho do cartunista foi feita pelo jornal Washington Post, que comparou a charge forma discriminatória que os afro-americanos eram retratados no século XIX.

?Knight desenha traços do rosto que refletem as charges desumanizantes tipo ?Jim Crow? (as leis que estabeleciam a segregação nos Estados Unidos), tão frequentes nos séculos XIX e XX?, afirmou o comentarista Michael Cavna.

Em sua defesa, o autor relembrou respondeu que também fez uma charge pouco amável de um tenista australiano, Nick Kyrgios, ?que se comportou mal?. ?Não misturei gênero em nada disso, é uma questão de comportamento?, alegou Knight.

Michael Miller, CEO da News Corp Australasia, editora do ?Herald Sun?, defendeu o cartunista. ?As críticas contra a charge mostram que o mundo se tornou demasiado politicamente correto e não compreende o papel das charges da imprensa e da sátira?, afirmou. ?É preciso denunciar os maus comportamentos, qualquer que seja o esporte?, completou.

 

Gazeta Esportiva

TAGS