Ministro sul-coreano admite possibilidade de junção com Coreia do Norte em 2020Mais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Ministro sul-coreano admite possibilidade de junção com Coreia do Norte em 2020

As Olimpíadas de Tóquio, em 2020, podem se tornar um marco na história do esporte mundial. Pelo menos é o que sugere o ministro da cultura, do esporte e do turismo da Coreia do Sul, que, nesta quarta-feira, admitiu a possibilidade de uma junção com a Coreia do Norte na formação de uma equipe mista [?]

09:30 | 23/08/2018

As Olimpíadas de Tóquio, em 2020, podem se tornar um marco na história do esporte mundial. Pelo menos é o que sugere o ministro da cultura, do esporte e do turismo da Coreia do Sul, que, nesta quarta-feira, admitiu a possibilidade de uma junção com a Coreia do Norte na formação de uma equipe mista e unificada. Do Jong-Whan revelou que as conversas com os representantes norte-coreanos já existem e que há chances reais da ideia se tornar realidade.

?Falamos sobre o que podemos fazer sobre os times unificados antes da Olimpíada de Tóquio. E estamos trocando opiniões para manter diálogos regulares sobre os esportes intercoreanos, a partir da qual poderemos discutir a formação de mais equipes conjuntas?, contou, em entrevista concedida à agência Yonhap.

O diálogo se inicia após o primeiro teste com uma equipe unificada. Nos Jogos Asiáticos, que acontecem em Jacarta, na Indonésia, desde o dia 18 de agosto até o dia 2 de setembro, as duas delegações entraram juntas na cerimônia de abertura, sob a mesma bandeira, e disputarão algumas modalidades de forma conjunta.

Para além da junção das equipes, os Jogos Asiáticos têm sido importantes para uma aproximação entre as nações. As autoridades têm se esforçado para acelerar o acordo de paz entre os dois países, que se encontram em guerra desde 1950, a qual foi suspensa por um acordo de armistício ainda em 1953.

Gazeta Esportiva

TAGS