PUBLICIDADE
Esportes

Após uma carreira vitoriosa, Dinarte ajuda os outros a vencerem

Algumas pessoas parecem ter nascido para determinadas coisas. Este é o caso da ligação entre Dinarte Fagundes e o ciclismo. Dono de uma carreira bastante vitoriosa, contando com conquistas como o tri-campeonato Pan-Americano e oito Campeonatos Cariocas, o atleta hoje já não compete mais sobre as duas rodas, mas segue bastante ligado ao esporte, atuando [?]

14:15 | 07/07/2018

Algumas pessoas parecem ter nascido para determinadas coisas. Este é o caso da ligação entre Dinarte Fagundes e o ciclismo. Dono de uma carreira bastante vitoriosa, contando com conquistas como o tri-campeonato Pan-Americano e oito Campeonatos Cariocas, o atleta hoje já não compete mais sobre as duas rodas, mas segue bastante ligado ao esporte, atuando como vendedor de materiais especializados para a modalidade,

Com um stand localizado no prédio da Fundação Cásper Líbero, o ex-ciclista atende todos os competidores da 72ª edição da Prova 9 de Julho que desejam competir com os equipamentos da melhor qualidade. Representando a empresa Ekoi, o ex-atleta garante que o equipamento de primeira linha dá diferença no resultado da prova.

?O atleta com um material de qualidade ele vai estar menos propenso a um acidente e apresenta resultados melhores com toda a certeza. Uma roupa especializada, um óculos que realmente proteja a visão, as luvas e as meias adequadas. Tudo isso ajuda o ciclista a ter uma vantagem?, garantiu Dinarte Fagundes.

Participante da prova na edição do ano passado, Dinarte percebeu que a prova conta com um grande número de competidores e afirmou que a organização bem feita do evento ajuda na hora de de fazer os seus negócios.

?No ano passado eu participei da 9 de Julho, vi que era uma prova muito competitiva e de muito sucesso, com um grande número de participantes. Acho que os organizadores estão de parabéns nessa retomada desse evento que é um dos grandes do país?, completou.

A competição

Instituída em 1932 pelo jornalista Cásper Líbero em homenagem à Revolução Constitucionalista e realizada pelo jornal A Gazeta Esportiva a partir de 1933, a Prova Ciclística 9 de Julho é um patrimônio do esporte brasileiro. O evento se tornou um marco na modalidade, sendo objeto de desejo dos atletas e equipes. Ao longo dos anos, os principais nomes do país e do exterior prestigiaram o evento, colocando-o em um lugar de destaque nos cenários nacional e internacional. Desde 2015, a Prova recuperou o espaço onde surgiu, nas ruas e avenidas paulistanas.

Gazeta Esportiva

TAGS