PUBLICIDADE
Esportes

Bellucci vence e se mantém na briga para chave de Roland Garros

A vitória de Thomaz Bellucci manteve o Brasil com esperanças de um representante masculino em Roland Garros, na chave simples. Nesta segunda-feira, o tenista paulista conseguiu desempenhar um bom jogo diante do alemão Matthias Bachinger, venceu por 2 sets a 0 (6/3 e 6/4) e avançou para a próxima fase do qualificatório. O saldo do dia, [?]

11:30 | 21/05/2018

A vitória de Thomaz Bellucci manteve o Brasil com esperanças de um representante masculino em Roland Garros, na chave simples. Nesta segunda-feira, o tenista paulista conseguiu desempenhar um bom jogo diante do alemão Matthias Bachinger, venceu por 2 sets a 0 (6/3 e 6/4) e avançou para a próxima fase do qualificatório. O saldo do dia, porém, acabou sendo negativo com as derrotas de Guilherme Clezar e Thiago Monteiro.

O início agressivo foi o grande destaque da atuação de Belluci. Ainda no primeiro set, conseguiu quebrar o serviço do alemão para abrir 3 a 0 e ainda teve responsabilidade de não ceder break points, encaminhando a vantagem. Na segunda parcial teve o ritmo diminuído também pela evolução no jogo de Bachinger, mas as duas quebras de serviço garantiram o brasileiro na próxima fase.

Quem não conseguiu repetir o bom desempenho do compatriota foi atual número do país, Thiago Monteiro. No reencontro com seu algoz do Rio Open, Casper Ruud, acabou novamente derrotado. Desta vez, em 1h14min, sofreu com as quebras de serviço e perdeu por 2 sets a 0, com duplo 6/3

Já Guilherme Clezar esteve muito perto de ser mais um a confirmar a classificação, mas deixou escapar a vitória e acabou eliminado pelo norte-americano Denis Kudla logo na estreia do qualificatório. O tenista gaúcho teve dois match points quando vencia por 5 a 4 no terceiro set, mas teve seu serviço quebrado e foi derrotado por 2 sets a 1 (6/3; 6/7 e 7/5) em 2h25min de partida.

Na próxima terça-feira, Rogerio Dutra Silva entra em quadra a fim de encaminhar a vaga de mais um brasileiro para o Grand Slam no saibro de Paris. O adversário será o jovem chileno Christian Garin, de 21 anos, que soma apenas três partidas de nível qualificatório, com duas vitórias e uma derrota.

Gazeta Esportiva

TAGS