PUBLICIDADE
Esportes

Atletas do Basquete Cearense visitam garota de 11 anos que sonha ser atleta

Felipe Ribeiro e Rashaun McLemore foram até Crateús e conheceram a única atleta de basquete feminino da cidade

14:59 | 18/05/2018
NULL
NULL

[FOTO1]

Os atletas Felipe Ribeiro e Rashaun McLemore do Basquete Cearense visitaram nesta sexta-feira, 18, uma garota de apenas 11 anos que sonha em ser atleta profissional de basquete e mora em Crateús, cidade do sertão do Ceará, que fica a 351km de Fortaleza. 

Ivily Kayane, de 11 anos, treina desde os nove com a ajuda do pai, Ivan Pereira, um dos maiores incentivadores da modalidade na cidade. O pai, que estuda Educação Física e treina jovens da cidade, conta que a estudante ia para a quadra com ele porque não tinha com quem ficar em casa. ‘’Ela ficava batendo bola e isso me chamou atenção, então resolvi passar alguns fundamentos e ele foi desenvolvendo habilidade’’, disse.

A equipe do Carcará chegou junto com os atletas por volta da hora do almoço e foi direto para a casa de Ivily, que viveu um momento emocionante ao conhecer os atletas e ainda ganhou um vídeo que Hortência, uma das maiores jogadoras de basquete do Brasil, fez para ela.

"O basquete é a minha vida. Quando via meu pai jogando eu também quis praticar e não quero mais parar. Além da Hortência, sou fã do Davi (Rossetto), Felipe e Rashaun. Não dá nem para acreditar que eles estão aqui. Acompanho todos os jogos que posso com o meu pai", disse Ivily Kayane.

Ainda deu tempo de visitar a escola onde Ivily estuda, os atletas falaram sobre o Solar Cearense e suas experiências com o basquete. Fizeram uma competição de lances livres e distribuíram brindes do time. Logo em seguida foram até uma quadra pública da cidade, onde o pai da garota treina alguns jovens, que puderam jogar ao lado de Felipe e Rashaun.

TAGS