Serginho elogia coletivo do Cruzeiro e concentração nos momentos decisivosMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Serginho elogia coletivo do Cruzeiro e concentração nos momentos decisivos

Depois da vitória do Cruzeiro sobre o Sesi por 3 sets a 2 na primeira final da Superliga masculina de vôlei, o líbero Serginho elogiou o elenco do treinador Marcelo Mendez, elogiou a atuação da equipe paulista e viu como diferencial a concentração nos momentos decisivos do jogo do último sábado. ?Eu que te pergunto [?]

20:30 | 28/04/2018

Depois da vitória do Cruzeiro sobre o Sesi por 3 sets a 2 na primeira final da Superliga masculina de vôlei, o líbero Serginho elogiou o elenco do treinador Marcelo Mendez, elogiou a atuação da equipe paulista e viu como diferencial a concentração nos momentos decisivos do jogo do último sábado.

?Eu que te pergunto como foi o jogo?, risos. ?Foi um jogo duro, digno de um final. O time do Sesi jogou muito bem. As parciais todas por dois pontos. No tie-break, a gente oscilou um pouco, mas o nosso time está acostumado com jogos decisivos e, nesses momentos, a gente conseguiu colocar a cabeça no lugar e o melhor jogo para tentar decidir e não se abalar com a torcida e o próprio crescimento do Sesi na partida. A gente deu um passo importante para jogar no Mineirinho e, quem sabe, conquistar mais um título?.

?(O diferencial foi o) conjunto como sempre. Muitas vezes a imprensa foca em um atleta só, mas o vôlei é um esporte muito coletivo. Se a banda desafinar, ninguém joga bem. Trocamos algumas peças durante o jogo e deu muito certo. Tem jogadores que nem são tão conhecidos do grande público que ajudaram a gente a vencer, como no quarto set. Não dá para pensar em uma ou duas peças porque esse esporte é coletivo?, completou Serginho.

O líbero da equipe celeste ainda declarou que o bom nível de atuação do Sesi-SP facilitou os cruzeirenses a terem um desempenho ainda melhor. Ele também lembrou da pressão e expectativa que existem para a Raposa voltar a ser campeã.

?Ajuda nada. Só pressiona porque o pessoal está acostumado a jogar e daí quer ganhar de novo e ficamos na pressão para ganhar de novo. É bom ser franco atirador, jogar sem o peso nas costas para ganhar e ir tranquilo. Não que o Sesi esteja jogando assim porque eles têm um investimento grande. Mas, para o grande público e para alguns atletas do Sesi, o favorito é o nosso time?.

Serginho ainda não quis afirmar que o Cruzeiro é favorito para o segundo jogo, que irá para o golden set em caso de vitória do time paulista. ?Não dá para pensar assim porque o jogo é ganho dentro da quadra. Falar se é favorito ou não, às vezes é um tiro no pé. Se eu fizer um comentário denegrindo o Sesi ou de baixo nível, posso tornar a raiva deles em uma superação para o próximo jogo. Por mais que eu tenha meus pensamentos, eu guardo para mim porque não quero dar arma para os adversários?.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS