Espero que os jogadores decidam o jogo e não os árbitros, diz HeynckesMais Esportes | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Espero que os jogadores decidam o jogo e não os árbitros, diz Heynckes

Com o histórico de algumas decisões polêmicas da arbitragem em jogos do Real Madrid, o treinador Jupp Heynckes tentou resguardar o Bayern de Munique antes da segunda partida da semifinal da Liga dos Campeões, que será realizada na terça-feira, às 15h45 (de Brasília), no Santiago Bernabéu. ?Espero que ele (Cuneyt Cakir, árbitro do jogo) seja [?]

15:15 | 30/04/2018

Com o histórico de algumas decisões polêmicas da arbitragem em jogos do Real Madrid, o treinador Jupp Heynckes tentou resguardar o Bayern de Munique antes da segunda partida da semifinal da Liga dos Campeões, que será realizada na terça-feira, às 15h45 (de Brasília), no Santiago Bernabéu.

?Espero que ele (Cuneyt Cakir, árbitro do jogo) seja objetivo, correto e que os jogadores decidam a partida e não os árbitros?, afirmou o comandante da equipe bávara antes de falar que o recente histórico de maus resultados em confrontos contra o time merengue não interfere no duelo da terça.

?Não importa quantas vezes perdemos para o Real Madrid porque eu não era o treinador do Bayern. Amanhã é outro jogo. Estas coisas não têm relevância. Será uma partida muito difícil para nós e para eles também. Jogaremos contra os atuais campeões e será uma virada difícil de se conseguir. Vamos ser um adversário complicado porque crescemos nessas partidas. Queremos a final?.

No primeiro confronto entre os dois times, que terminou em 2 a 1 para o time espanhol na Allianz Arena, o Bayern de Munique desperdiçou muitas oportunidades de gol e justamente é isso que Heynckes quer mudar para o próximo jogo.

?Temos que ser mais eficazes do que na partida de ida. Em Munique eles tiveras três chaves e marcaram dois. Marcamos muitos gols nesta temporada, está em nosso DNA e isso será importante. Queremos ter muitas chances de gol no Bernabéu?.

Gazeta Esportiva

TAGS