PUBLICIDADE
Esportes

Jornal crava saída de Cavani do PSG por privilégios dados a Neymar

O uruguaio Edinson Cavani deixará o Paris Saint-Germain no meio do ano. Isto é o que afirma o jornal francês Le Parisien nesta quinta-feira, apontando dois motivos principais: a eliminação em casa e nas oitavas para o Real Madrid, na Liga dos Campeões, e também por conta de Neymar. Segundo a publicação, o atacante acredita [?]

17:30 | 08/03/2018

O uruguaio Edinson Cavani deixará o Paris Saint-Germain no meio do ano. Isto é o que afirma o jornal francês Le Parisien nesta quinta-feira, apontando dois motivos principais: a eliminação em casa e nas oitavas para o Real Madrid, na Liga dos Campeões, e também por conta de Neymar.

Segundo a publicação, o atacante acredita que o brasileiro recebe certos privilégios e que existe desigualdade entre os jogadores da equipe. Além disso, o jornal afirma que os dois atletas possuem personalidades totalmente diferentes e não se dão bem, dentro e fora dos campos.

Quando chegou no PSG pelo valor de 222 milhões de euros, a transação mais cara da história do futebol, Neymar se desentendeu com Cavani por conta da cobrança de um pênalti, dando as primeiras indicações de que os dois não estavam em sintonia. Depois, o uruguaio foi repreendido por ter chegado atrasado nas reapresentações do início do ano, fato que não aconteceu com o brasileiro, o que teria irritado Cavani, que possui contrato com o clube parisiense até 2020.

 

Gazeta Esportiva

TAGS