PUBLICIDADE
Esportes

Federer pode igualar melhor começo de temporada da carreira

Roger Federer não se cansa de atingir feitos históricos. Em 2018, o suíço tem retrospecto impecável: são 15 vitórias em 15 jogos, além de ter perdido apenas três sets ? e venceu 36. Na noite desta quinta-feira, o número um do mundo enfrenta Hyeon Chung pelas quartas de final de Indian Wells e pode alcançar [?]

18:30 | 15/03/2018

Roger Federer não se cansa de atingir feitos históricos. Em 2018, o suíço tem retrospecto impecável: são 15 vitórias em 15 jogos, além de ter perdido apenas três sets ? e venceu 36. Na noite desta quinta-feira, o número um do mundo enfrenta Hyeon Chung pelas quartas de final de Indian Wells e pode alcançar uma incrível marca pessoal.

Caso vença o duelo contra o promissor jovem coreano, Federer, aos 36 anos, vai igualar sua campanha de 2006, quando tinha apenas 24, e venceu suas 16 primeiras partidas do ano.

?Seria ótimo. Mas, veja, é um ano completamente diferente, depois de muito tempo. Sinto que encontrei cedo meu ritmo nesta temporada. Mas você não planeja esse tipo de coisa. Elas só acontecem. Às vezes você precisa de um pouco de sorte e esse ano tem sido muito bom, com jogos sólidos. Vamos ver o quanto realmente vai durar. Hoje pode ser o último dia, então vamos ver. Mas estou muito feliz de estar bem?, comentou o maior vencedor de Grand Slams masculinos da história.

O suíço ainda chegou à marca de 60 vitórias na Califórnia, algo que só conseguiu em outros seis torneios: Aberto da Austrália (94v/13d), Wimbledon (91v/11d), Aberto dos Estados Unidos (82v/12d), Basileia (66v/9d) e Roland Garros (65v/16d).

Só neste ano, Federer já conquistou dois títulos: seu sexto troféu do Aberto da Austrália e o ATP 500 de Roterdã. Além de poder igualar seu melhor começo de temporada da carreira, o suíço também está a uma vitória de assegurar a permanência no topo do ranking. Caso venha a perder para Chung, Rafael Nadal volta a assumir a primeira colocação.

Gazeta Esportiva

TAGS