PUBLICIDADE
Esportes

Em casa, Blazers vencem Thunder; Jazz também triunfa

Os 48 minutos em quadra foram de puro esforço do Oklahoma City Thunder em busca da vitória em cima do Portland Trail Blazers. O triunfo, entretanto, não veio. Aproveitando a torcida a seu favor, o time de Oregon não desperdiçou a chance e, embalado, triunfou com placar de 108 a 100, na madrugada deste domingo. [?]

11:15 | 04/03/2018

Os 48 minutos em quadra foram de puro esforço do Oklahoma City Thunder em busca da vitória em cima do Portland Trail Blazers. O triunfo, entretanto, não veio. Aproveitando a torcida a seu favor, o time de Oregon não desperdiçou a chance e, embalado, triunfou com placar de 108 a 100, na madrugada deste domingo.

O primeiro quarto teve pequena superioridade dos visitantes, que abriram à frente. Apesar do bom basquete, eles não conseguiram sustentar a vantagem e logo no início da segunda etapa, deixaram pontos fáceis aos adversários, que não perderam a oportunidade.

Já na liderança do marcador, os Trailblazers seguraram a ponta para ampliar ainda mais. Com cestas importantes de CJ McCollum, que somou 28 pontos, os donos da casa asseguraram o triunfo no terceiro quarto, já que na última parcial, ambos lados marcaram 25 pontos.

Cestinha da noite, o norte-americano Russell Westbrook do Thunder foi o grande destaque da partida. O atleta fez um duplo-duplo, com 30 pontos e 11 rebotes. Ele ainda participou de seis assistências. Do outro lado, Ed Davis foi dono de dez rebotes e Damian Lillard, sete assistências.

Outra equipe que levou a melhor na madrugada deste sábado foi o Utah Jazz. Visitando o Sacramento Kings, a franquia de Salt Lake City se mostrou superior em quase toda partida. Abrindo margem no primeiro quarto, o Jazz ampliou a vantagem no segundo quarto para desacelerar nas duas últimas parciais e ainda assim vencer.

Melhor para Donovan Mitchell, que ainda se sagrou maior pontuador do embate, com 27 pontos, cinco rebotes e cinco assistências. Ele também contou com bom basquete de Rudy Gobert, dono de um duplo-duplo, com 16 pontos e 12 rebotes.

Quem também fez dígitos duplos em dois fundamentos foi o haitiano Skal Labissiere, com 12 pontos e 12 rebotes. Na sua equipe, o maior pontuador da madrugada foi De?Aaron Fox, que marcou 10 pontos.

Gazeta Esportiva

TAGS