PUBLICIDADE
Esportes

Após cinco anos e meio, Wawrinka deixa o top 20

Pela primeira vez em cinco anos e meio, o tenista suíço Stan Wawrinka deixou os 20 primeiros colocados do ranking da ATP. Nesta segunda-feira, o jogador caiu 10 posições, pois não defendeu os 600 pontos que conquistou no ano passado com o vice-campeonato dos Masters 1000 de Indian Wells. Agora, ocupa o 21º lugar. Desde [?]

19:45 | 19/03/2018

Pela primeira vez em cinco anos e meio, o tenista suíço Stan Wawrinka deixou os 20 primeiros colocados do ranking da ATP. Nesta segunda-feira, o jogador caiu 10 posições, pois não defendeu os 600 pontos que conquistou no ano passado com o vice-campeonato dos Masters 1000 de Indian Wells. Agora, ocupa o 21º lugar.

Desde o começo de 2012, Wawrinka não estava tão mal colocado no ranking. Na ocasião era o 29º do mundo. Durante o período, ganhou 13 dos 16 títulos na carreira, entre eles três Grand Slam: o Aberto da Austrália de 2014, Roland Garros em 2015, e finalmente, o Aberto dos Estados Unidos um ano depois.

Entretanto, não foi apenas o suíço que caiu entre os 100 primeiros colocados. O japonês Kei Nishikori, que foi até as quartas de final em Indian Wells, e a exemplo de Wawrinka não atuou na competição perdeu oito posições, parando em 33º. Desde outubro de 2011, ele não estava fora do top 30.

Outras quedas importantes foram a do uruguaio Pablo Cuevas caiu para a 40ª colocação e a do o espanhol Pablo Carreño está em 19º. O belga David Goffin, permaneceu no top 10, e ocupa o nono lugar.

Gazeta Esportiva

TAGS