PUBLICIDADE
Esportes

Roger Federer buscará o topo do ranking no ATP de Roterdã

Na última semana, Roger Federer pegou todos de surpresa ao anunciar sua participação no ATP de Roterdã, iniciado nesta segunda-feira. O suíço, atual segundo do ranking, terá a oportunidade de voltar a ser o primeiro do mundo após quase seis anos. Para que isso aconteça é necessário que Federer chegue à semifinal do torneio holandês. [?]

15:45 | 12/02/2018

Na última semana, Roger Federer pegou todos de surpresa ao anunciar sua participação no ATP de Roterdã, iniciado nesta segunda-feira. O suíço, atual segundo do ranking, terá a oportunidade de voltar a ser o primeiro do mundo após quase seis anos. Para que isso aconteça é necessário que Federer chegue à semifinal do torneio holandês. Em entrevista coletiva, o tenista afirmou que atingir o topo do ranking voltou a ser um objetivo na sua carreira.

?Não esperava poder ser o primeiro do mundo após o ATP de Londres, em novembro. Eu poderia escolher entre Roterdã e Dubai. Escolhi jogar na Holanda porque prefiro atuar em quadra coberta. Depois do Aberto da Austrália comecei a pensar no ranking. Estou muito motivado para ser o primeiro do mundo novamente. Vou lutar por isso?, disse.

O suiço pode bater André Agassi e se tornar o tenista mais velho a assumir a primeira colocação do ranking. Roger Federer tem 36 anos, enquanto o norte-americano tinha 33 anos quando ocupou o topo ao vencer o ATP de Houston, em 2003.

Gazeta Esportiva

TAGS