PUBLICIDADE
Esportes

Miami Heat vence Bucks e chega a sétima vitória consecutiva

Vivendo um ótimo momento na NBA, o Miami Heat conheceu neste domingo a sua sétima vitoria seguida. Atuando em casa e sob olhares do ex-velocista Usain Bolt, a equipe teve uma atuação muito forte no segundo tempo e venceu o Milwaukee Bucks por 97 a 79. Apesar do favoritismo por estar jogando em casa, os visitantes [?]

19:45 | 14/01/2018

Vivendo um ótimo momento na NBA, o Miami Heat conheceu neste domingo a sua sétima vitoria seguida. Atuando em casa e sob olhares do ex-velocista Usain Bolt, a equipe teve uma atuação muito forte no segundo tempo e venceu o Milwaukee Bucks por 97 a 79.

Apesar do favoritismo por estar jogando em casa, os visitantes não pareciam intimidados no início da partida e chegaram a abrir uma vantagem de oito pontos. Com uma defesa bastante sólida, sabendo marcar os principais nomes do time da casa, os Buks saíram dos 12 minutos inicias com a vantagem, porém de apenas dois pontos.

No segundo quarto, a defesa dos visitantes seguia se mostrando implacável e impedindo que o armador Goran Dragic desempenhasse o basquete que vinha demonstrando na temporada. Porém, se a estrela encontrava uma marcação forte, o coadjuvante Josh Richardson soube aproveitar o espaço a mais que teve para si e conseguiu deixar o Heat sempre próximo do placar, apesar da vantagem do rival. Assim, os donos da casa foram para o intervalo com apenas dois pontos de desvantagem.

Após a pausa, o jogo mudou de figura. Sem sofrer da mesma marcação, o sérvio começou a ter espaço para jogar e chamou a responsabilidade para si. Desta forma, não demorou muito para que o Heat começasse a deslanchar no placar. No final do terceiro quarto, a diferença já era de 12 pontos.

Liderados pelo armador sérvio, cestinha da partida com 25 pontos, a vantagem dos mandantes só amentava. Mesmo com a sensação grega, Antetokounmpo, tendo mais uma atuação considerável, a equipe da casa não foi mas incomodada e não tece grandes dificuldades para encerrar a partida 18 pontos à frente do adversário.

Gazeta Esportiva

TAGS