PUBLICIDADE
Mais Esportes

Barcelona e Celta não saem do empate pela Copa do Rei

Pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Rei da Espanha, o Barcelona, jogando com time misto e fora de casa, não saiu do empate por 1 a 1 com o Celta de Vigo. A partida foi equilibrada, com ambas as equipes criando chances de gol no Estádio de Balaídos. Os destaques [?]

17:15 | 04/01/2018

Pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Rei da Espanha, o Barcelona, jogando com time misto e fora de casa, não saiu do empate por 1 a 1 com o Celta de Vigo. A partida foi equilibrada, com ambas as equipes criando chances de gol no Estádio de Balaídos. Os destaques foram o retorno de Dembélé, sem jogar desde 16 de setembro por lesão, e o jovem da base José Arnaís que marcou o primeiro gol do time catalão em 2018 e o seu terceiro na competição.

O jogo de volta acontece na próxima quinta-feira, dia 11 de janeiro, às 18h30 (de Brasílias), no Estádio Camp Nou.

O JOGO? O Celta começou o jogo indo para cima do Barcelona e teve sua primeira chance aos oito minutos, com Aspas sendo lançado, mas Semedo se recuperou bem e cortou antes da finalização. Um minuto depois, Maxi Gomez  teve mais uma oportunidade de abrir o placar para o time da casa, mas a finalização saiu com desvio.

Aos 10 minutos, o Barça chegou pela primeira vez com perigo. Vidal acionou Semedo, que travou e cruzou para André Gomes, porém a cabeçada saiu por cima do travessão. Cinco minutos depois, aos 15, os visitantes abriram o marcador em um contra-ataque mortal. André Gomes recebeu na esquerda, fez boa jogada e cruzou rasteiro para o jovem José Arnaíz mandar para o fundo da rede.

Arnaíz foi a novidade no time titular do Barcelona. O atacante de 22 anos foi promovido do time B e já havia jogado as duas últimas partidas na Copa do Rei. Em três jogos, marcou três gols e é o artilheiro da equipe catalã na competição.

Aos 20 minutos, Aspas deu trabalho mais uma vez para a defesa do Barcelona, que se recuperou e afastou o perigo. O Celta continuou pressionando até que chegou ao gol de empate aos 31 minutos. Em contra-ataque puxado por Sisto, Maxi Gómez cruzou rasteiro, e Aspas desviou de carrinho no travessão. A bola sobrou para o próprio Sisto, que mandou um tiro certeiro na meta do goleiro Cillessen.

O Barça chegou a ter mais algumas chances, como o chute de fora da área de Paulinho, aos 41 minutos, que acabou saindo. O jogo foi para o intervalo empate em 1 a 1 nos Balaídos.

O time catalão voltou melhor para a segunda etapa. Aos 10 minutos, Digne cruzou, a bola quicou, e Arnaíz se atirou de peixinho para desviar, porém acabou mandando para fora. Aos 14, um lance inacreditável de Denis Suárez. Semedo puxou para a canhota e cruzou na direção do segundo pau e o atacante, completamente sozinho, desviou para fora.

O Barcelona seguiu na pressão e perdeu mais uma chance, desta vez com Sergio Busquets, que acertou uma bomba no travessão de fora da área.

Aos 25 minutos, autor do gol dos visitantes, Arnaís deixou o campo para a entrada de Dembélé, retornando após 108 dias, devido à grave lesão muscular na coxa esquerda. Em seu primeiro lance, o jogador foi lançado e chutou de direita, porém sem muita força e acabou ganhando escanteio com a defesa do goleiro Álvarez.

Aos 36 minutos, o Celta desperdiçou a chance de virar o jogo. Após trabalhar bem a bola na área do Barça, a finalização de Maxi Gómez acertou o marcador e na sequência, Jozabed chutou para longe.

Já nos acréscimos, o Barça chegou com perigo, quando Semedo foi à linha de fundo e cruzou rasteiro para Sergi Roberto desviar. A bola, no entanto, saiu com perigo, triscando a trave.

Gazeta Esportiva

TAGS