PUBLICIDADE
Esportes

Taubaté domina o Corinthians na reedição da final do Paulista de vôlei

O Funvic/Taubaté fez valer sua maior experiência, a técnica de Ivovic e Wallace, e a calma na hora da decisão para derrotar o Corinthians/Guarulhos na noite deste sábado, no ginásio da Ponte Grande, em Guarulhos-SP, em partida válida pela décima rodada da Superliga. Repetindo o resultado da final do Campeonato Paulista, dessa vez sem tie-break, [?]

22:15 | 09/12/2017

O Funvic/Taubaté fez valer sua maior experiência, a técnica de Ivovic e Wallace, e a calma na hora da decisão para derrotar o Corinthians/Guarulhos na noite deste sábado, no ginásio da Ponte Grande, em Guarulhos-SP, em partida válida pela décima rodada da Superliga. Repetindo o resultado da final do Campeonato Paulista, dessa vez sem tie-break, o time visitante disparou 25/17, 25/23 e 25/22, em 1h20min de jogo.

Com o resultado, os taubateanos se consolidam na terceira posição da Superliga masculina, com 25 pontos conquistados em 11 partidas. Já os comandados de Alexandre Stanzioni, que decepcionaram a lotada arena da partida, estacionaram nos 16, com um jogo a menos, e podem ser ultrapassados pelo Minas, que enfrentam o Ponta Grossa/Caramuru em casa, na terça-feira, em Belo Horizonte-MG.

O primeiro set terminou praticamente em seus sete pontos iniciais. Com Rapha destruindo a recepção corintiana sem nem precisar forçar o saque, apenas apostando no tático, o time visitante abriu 7 a 0 e, a partir dali, apenas administrou a vantagem. Mesmo com aces e ataques poderosos do lado corintiano, o triunfo ficou com o time do interior por 25 a 17.

A parcial inicial foi tão tranquila que o estrelado time do Taubaté nem sequer precisou utilizar o oposto Wallace, craque da seleção brasileira, deixando sua intervenção decisiva para a sequência. Após anotar apenas um tento, ele chamou o jogo para si, cravou bolas na quadra adversária e tirou o time do Vale do Paraíba das situações mais difíceis no segundo set.

Após um início equilibrado, Rivaldo foi para o saque no Timão e abriu quatro pontos de vantagem numa fase decisiva, ficando com 18 a 14. Assim que rodou, porém, a equipe forasteira viu Rapha mais uma vez incomodar a recepção corintiana e retomar a vantagem, passando à frente com 20 a 18. Depois disso, sempre que ficou apertado, Wallace decidiu e assegurou a bola final do set para fazer 25 a 23.

Aparentemente baqueado pelo revés na segunda parcial, o time da casa demorou a entrar no jogo no segundo set, mais uma vez deixando o adversário abrir vantagem logo de cara, com 8 a 5 no primeiro tempo dos técnicos. Coordenado pelo levantador Rapha e confirmado por Wallace, eleito o melhor em quadra, o ataque taubateano manteve a pegada até o final, mesmo com as tentativas de Serginho para ?acender? os donos da casa, assegurando o triunfo por 25 a 22.

Gazeta Esportiva

TAGS