PUBLICIDADE
Esportes

Grande quantidade de neve pode cancelar clássico de Manchester

O aguardado duelo entre Manchester United e Manchester City, marcado para este domingo, às 14h30 (de Brasília), corre risco de não ser realizado. O clássico entre as duas equipes mais bem colocados do Campeonato Inglês vem gerando grande expectativa, no entanto, o Serviço Nacional de Meteorologia do Reino Unido (Met Office) anunciou que uma grande [?]

16:15 | 08/12/2017

O aguardado duelo entre Manchester United e Manchester City, marcado para este domingo, às 14h30 (de Brasília), corre risco de não ser realizado. O clássico entre as duas equipes mais bem colocados do Campeonato Inglês vem gerando grande expectativa, no entanto, o Serviço Nacional de Meteorologia do Reino Unido (Met Office) anunciou que uma grande quantidade de neve deve cair sobre a região horas antes da partida, o que pode acabar complicando as condições de jogo.

Nada mais, nada menos que 20 centímetros de neve são esperados na Grande Manchester entre 4h e 18h do sábado. Com temperaturas beirando a casa do 0ºC, o adiamento do encontro entre as equipes de José Mourinho e Pep Guardiola não está descartado, embora o gramado de Old Trafford tenha um sistema de aquecimento no solo.

Mas não é apenas o clássico de Manchester que corre perigo de ser adiado. O Derby de Merseyside, entre Liverpool e Everton, também pode não acontecer. O Met Office acredita que as condições climáticas irão se espalhar, e uma das regiões que podem ser afetadas é a cidade de Liverpool.

Esse não seria o primeiro caso de jogos do Campeonato Inglês adiados. Em 2010 o Manchester United acabou não entrando em campo contra o Chelsea, em Londres, por conta dos riscos de saúde e segurança que jogadores e torcedores estariam sujeitos. No mesmo ano, o duelo entre Arsenal e Bolton também foi adiado pelos mesmos motivos.

Líder isolado do Campeonato Inglês com 43 pontos, o Manchester City pode se colocar em uma ótima posição pelo título caso vença o United, vice-líder com 35 tentos. Restando apenas quatro rodadas para o fim do primeiro turno da competição, o fato de a equipe de Guardiola abrir mais de dez pontos de vantagem para o segundo colocado dificultaria ainda mais um desfecho contrário ao cada vez mais provável título dos Citizens.

Gazeta Esportiva

TAGS