PUBLICIDADE
Esportes

Circuito de Montreal revela projeto de modernização de seu paddock

A pista de Montreal divulgou os primeiros esboços para a reformulação do que será o prédio do paddock do circuito Gilles Villeneuve. O Société du parc Jean-Dreapeau (SPJD) se comprometeu a expandir sua infraestrutura como parte do acordo de renovação do contrato do GP do Canadá até o fim de 2029. A nova instalação, que [?]

13:15 | 15/12/2017

A pista de Montreal divulgou os primeiros esboços para a reformulação do que será o prédio do paddock do circuito Gilles Villeneuve. O Société du parc Jean-Dreapeau (SPJD) se comprometeu a expandir sua infraestrutura como parte do acordo de renovação do contrato do GP do Canadá até o fim de 2029.

A nova instalação, que irá atender os parâmetros exigidos da FIA, irá ter capacidade para cinco mil pessoas. Atualmente a capacidade é de 1.800 pessoas. O prédio contará com elevadores de carga e um elevador panorâmico para pessoas.

O custo total do projeto será de US$ 48 milhões (aproximadamente R$ 160 milhões), sendo que US$ 30 milhões (R$ 100 milhões) serão da prefeitura de Montreal e US$ 18 milhões (R$ 60 milhões). A ideia é que toda a obra esteja pronta em abril de 2019.

Confira como ficará a configuração dos andares do paddock:

1º andar: garagens da F1, torre de controle e escritórios;

2º andar: boxes corporativos, torre de controle, pódio e sala de imprensa;

3º andar: boxes corporativos e terraço

Gazeta Esportiva

TAGS