PUBLICIDADE
Esportes

Lewis Hamilton admite culpa em acidente: ?Sou um ser-humano?

Lewis Hamilton mal participou do treino classificatório para o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1. Depois de completar duas voltas no circuito, o piloto britânico perdeu o controle do carro na curva do Laranjinha e acabou na barreira de pneus. Largando na última colocação na corrida deste domingo, o tetracampeão mundial não se eximiu [?]

17:30 | 11/11/2017

Lewis Hamilton mal participou do treino classificatório para o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1. Depois de completar duas voltas no circuito, o piloto britânico perdeu o controle do carro na curva do Laranjinha e acabou na barreira de pneus. Largando na última colocação na corrida deste domingo, o tetracampeão mundial não se eximiu da culpa pelo acidente, alegando que não havia qualquer problema com o carro.

?Isso pode acontecer quando o carro está frio, quando os pneus estão frios. Me senti bem no carro, estava realmente rápido. Na verdade, foi minha culpa e eu tenho que assumir a responsabilidade por isso?, afirmou Lewis Hamilton em coletiva de imprensa após a última prática deste sábado.

Havia uma grande expectativa sobre Lewis Hamilton durante o fim de semana. Dono do melhor carro do grid e tido por muitos como um dos pilotos mais talentosos da história da Fórmula 1, o britânico também esperava brilhar novamente no país de seu maior ídolo, Ayrton Senna. Embora seja tetracampeão da principal categoria do automobilismo mundial, ele subiu no lugar mais alto do pódio em São Paulo somente uma vez (2016).

O fato de Lewis Hamilton ter se sagrado campeão mundial no GP do México há duas semanas fez com que muitas pessoas pensassem que ele desembarcaria no Brasil com menos ambição, entretanto, o piloto da Mercedes negou qualquer tipo de relaxamento em Interlagos após o acidente.

?Mesmo vencendo o campeonato, o meu sentimento ao conquistar cada ponto é o mesmo. Tenho orgulho do meu comprometimento, como eu dirigi. Não cometi erros durante o ano todo. Coisas ruins acontecem e você não pode se abalar quando isso acontece. O que eu tenho que fazer é manter a minha cabeça erguida, foi um bom fim de semana até eu abandonar o treino?, prosseguiu.

?Sou um ser-humano, essas coisas ocorrem. Você tem de se reerguer, dar a volta por cima e tentar conquistar alguns pontos para a equipe. Esse é o meu trabalho. Tentarei sair com um bom resultado daqui?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS