PUBLICIDADE
Esportes

Doria torce por permanência de Interlagos e novos brasileiros na F1

João Doria (PSDB) segue confiante em relação à privatização de Interlagos mesmo com a interrupção do processo na Câmara Municipal. O prefeito de São Paulo negou qualquer chance de a Fórmula 1 deixar de acontecer no Brasil após o autódromo ser leiloado à iniciativa privada pelo menos enquanto o contrato com a principal categoria do [?]

07:15 | 13/11/2017

João Doria (PSDB) segue confiante em relação à privatização de Interlagos mesmo com a interrupção do processo na Câmara Municipal. O prefeito de São Paulo negou qualquer chance de a Fórmula 1 deixar de acontecer no Brasil após o autódromo ser leiloado à iniciativa privada pelo menos enquanto o contrato com a principal categoria do automobilismo mundial estiver vigente.

?Esperamos que o autódromo possa ter a oportunidade de sediar outras competições e manter a Fórmula 1. Temos contrato até 2020 e será respeitado. Esperamos que depois possamos renovar por mais dez anos e manter por mais uma nova década o GP Brasil, quem sabe com novos Ayrton Sennas, novos Piquets, Massas, Barrichellos e tantos outros brasileiros que entusiasmaram a nossa torcida?, afirmou Doria.

O prefeito de São Paulo também esclareceu alguns termos da proposta apresentada a potenciais grupos de investidores, que deverão participar do leilão previsto ainda para o primeiro semestre do ano que vem. A tendência é que o autódromo de Interlagos sofra muitas modificações, principalmente para tornar rentável os investimentos no local, porém, o traçado permanecerá intacto.

?Quero deixar claro que não deixará de ser um autódromo. Terá investimento imobiliário para viabilizar um investimento que não é pequeno, assim como a complementação de obras que são necessárias para o conforto dos espectadores?, prosseguiu.

?Não falam interessados, há vários grupos que fizeram manifestações de interesse. Não podemos revelar quais são esses grupos, mas estamos muito tranquilos de que grupos internacionais e nacionais estarão disputando o autódromo, que terá um bom preço e, certamente, uma qualificação adequada do futuro administrador que irá administrar o maior autódromo da América Latina?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS