PUBLICIDADE
Esportes

Mercedes prevê duelo acirrado com Ferrari e Red Bull no GP do Japão

No próximo domingo será realizado o Grande Prêmio do Japão, 16ª prova da temporada de 2017 da Fórmula 1. Nos últimos três anos, a Mercedes brilhou em Suzuka, sendo duas vezes com Lewis Hamilton (2014 e 2015) e uma com Nico Rosberg (2016). Mesmo assim, o chefe da equipe, Toto Wolff, sabe que, no atual campeonato, nada [?]

15:30 | 04/10/2017

No próximo domingo será realizado o Grande Prêmio do Japão, 16ª prova da temporada de 2017 da Fórmula 1. Nos últimos três anos, a Mercedes brilhou em Suzuka, sendo duas vezes com Lewis Hamilton (2014 e 2015) e uma com Nico Rosberg (2016). Mesmo assim, o chefe da equipe, Toto Wolff, sabe que, no atual campeonato, nada é garantido, e espera ter concorrência forte na prova.

?Nos últimos anos, fomos muito fortes em Suzuka. Mas as últimas semanas nos mostraram que o retrospecto vale pouco com os carros e pneus de 2017. É um circuito que recompensa as melhores performances de carros e pilotos, e esperamos duelos apertados ente nós, a Ferrari e a Red Bull?, declarou o chefe da escuderia britânica.

Atualmente, a Mercedes lidera o Mundial de Construtores com 503 pontos, enquanto a Ferrari tem 385. Entre os pilotos, Hamilton aparece com 281 pontos, contra 247 de Sebastian Vettel. Por isso, Wolff sabe que a vitória está totalmente no fato de sua equipe saber administrar a vantagem.

?Nossos carros fizeram mais pole positions e venceram mais do que qualquer outro e estamos liderando os dois campeonatos. Isso é graças tanto a nossa própria força quanto, em parte, ao azar de nossos rivais. Mas cada ponto conta, não importa como ele foi conquistado. Como equipe, nossos objetivos para o último trimestre da temporada são muito claros. Está totalmente em nossas mãos?, continuou.

Das últimas quatro corridas, Hamilton venceu três e assumiu a liderança do campeonato. Por sua vez, Bottas começou a apresentar certa queda no ritmo, o que vem preocupando o chefe da Mercedes. Por isso, Wolff quer o time trabalhando para o finlandês recuperar o melhor desempenho possível.

?Lewis aproveitou ao máximo todas as oportunidades nas últimas semanas. Ele está em uma fantástica forma, particularmente desde as férias de verão, e está dirigindo com um perfeito equilíbrio de agressividade no momento. O caso de Valtteri é mais desafiador e a prioridade para nós é dar um carro para que ele dê o seu melhor. Não é um momento fácil, mas é a hora de sua força de caráter, ética de trabalho e talento natural brilharem?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS