PUBLICIDADE
Esportes

Max Verstappen crê que não havia como ultrapassar Hamilton em Suzuka

Lewis Hamilton e Max Verstappen protagonizaram uma disputa intensa pelo primeiro lugar do GP do Japão nas últimas voltas, neste domingo. Próximo do piloto da Mercedes, o jovem holandês, no entanto, sofreu com a presença dos retardatários Felipe Massa e Fernando Alonso, que acabaram dificultando a perseguição do promissor condutor da Red Bull. ?Eu via [?]

06:15 | 08/10/2017

Lewis Hamilton e Max Verstappen protagonizaram uma disputa intensa pelo primeiro lugar do GP do Japão nas últimas voltas, neste domingo. Próximo do piloto da Mercedes, o jovem holandês, no entanto, sofreu com a presença dos retardatários Felipe Massa e Fernando Alonso, que acabaram dificultando a perseguição do promissor condutor da Red Bull.

?Eu via Lewis [Hamilton] administrando seus pneus e, com o tráfego, parecia difícil para ele seguir os outros carros comparado a mim. Quando você se aproxima, você perde aerodinâmica. Não conseguiria atacá-lo, mas tentei. Não ajudou, mas foi mais na volta com o Massa. Não acho que conseguiria ultrapassar Lewis, poderia me aproximar dele. Não era o ideal, mas não iria fazer diferença?, disse Verstappen.

Depois da vitória no último fim de semana, na Malásia, o piloto da Red Bull voltou a figurar nas primeiras posições e desta vez subiu no segundo lugar mais alto do pódio. Tudo isso após largar na quarta colocação e, rapidamente, ultrapassar seu companheiro de equipe, Daniel Ricciardo, e Sebastian Vettel, da Ferrari.

?Uma vez que ultrapassei Seb [Vettel] pude fazer minhas coisas. O primeiro período foi todo certo, Lewis estava um pouco mais rápido, e depois, com pneus macios, tivemos um equilíbrio maior. Não queria me aproximar muito de Hamilton para não destruir para evitar destruir meus pneus dianteiros, precisei deles no final?, completou o holandês.

Gazeta Esportiva

TAGS