PUBLICIDADE
Esportes

Hamilton afirma que conquista de 2017 foi a mais difícil da carreira

A nona colocação conquistada no GP do México foi suficiente para que Lewis Hamilton garantisse o título da temporada da Fórmula Um com duas etapas de antecedência. Apesar da distância folgada para o segundo colocado, Sebastian Vettel, o piloto inglês não escondeu que considera o título, seu quarto na carreira, como o mais complicado de [?]

13:15 | 30/10/2017

A nona colocação conquistada no GP do México foi suficiente para que Lewis Hamilton garantisse o título da temporada da Fórmula Um com duas etapas de antecedência. Apesar da distância folgada para o segundo colocado, Sebastian Vettel, o piloto inglês não escondeu que considera o título, seu quarto na carreira, como o mais complicado de se vencer.

Leia mais: Vettel parabeniza Hamilton e afirma que conquista foi merecida

?Sim, eu definitivamente acho que foi o campeonato mais difícil de vencer. Todos eles foram diferentes à sua maneira. Mas este ano, estar na posição de liderar o time e ajudar a guiar, motivar e dirigir o desenvolvimento do carro exatamente para onde eu gostaria que ele fosse, ao lado de um grande companheiro de equipe e lutando contra uma grande equipe como a Ferrari, foi um enorme desafio?, declarou o inglês ao Motorsport.

Além de enaltecer a dificuldade pela conquista, o condutor da Mercedes exaltou o trabalho das equipes adversárias, Ferrari e RBR. ?É ótimo ter duas equipes lutando. Você pode ver através dos treinos: estávamos em um décimo no top-6. Eu acho que isso é ótimo. Precisamos de mais disso. Isso nos empurra ao limite. É o que nos entusiasma pelo esporte?, avaliou o britânico.

Apesar de ter recém conquistado o título, Hamilton já deixou claro que não irá diminuir o ritmo após a quarta campanha vitoriosa.?Na verdade, 44 é meu número mágico, mas eu teria de estar aqui por muito tempo para conquistar 44 campeonatos! Quatro é parte disso. Gosto de quatro, é um grande número. Mas quero o número cinco agora. Vou ficar com quatro, aproveitar o número, mas temos de tomar um passo de cada vez?, completou.

Mesmo com o campeão da temporada já definido, a Fórmula Um ainda terá duas etapas até o encerramento do ano. A primeira delas acontece daqui duas semanas, quando os pilotos virão ao Brasil para a disputa do Grande Prêmio do Brasil, em Interlagos, em São Paulo.

Gazeta Esportiva

TAGS