PUBLICIDADE
Esportes

Sport perde para a Ponte, mas avança às quartas da Sul-Americana

A Ponte Preta até venceu o Sport por 1 a 0, nesta quarta-feira, pela partida de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana, mas não foi o suficiente. O gol de Lucca não serviu para classificar a Macaca, que havia perdido na ida por 3 a 1 na Ilha do Retiro. Apesar de confirmar [?]

21:30 | 20/09/2017

A Ponte Preta até venceu o Sport por 1 a 0, nesta quarta-feira, pela partida de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana, mas não foi o suficiente. O gol de Lucca não serviu para classificar a Macaca, que havia perdido na ida por 3 a 1 na Ilha do Retiro.

Apesar de confirmar a classificação, os pernambucanos conheceram mais uma derrota, mantendo o mau momento do time de Vanderlei Luxemburgo. Pelo lado da Ponte, o técnico Eduardo Baptista, anunciado nesta quarta, terá apenas o Brasileiro como objetivo neste fim de temporada.

Nas quartas de final, o Leão da Ilha encara os colombianos do Junior Barranquilla. O primeiro duelo, ainda sem data confirmada, será na Colômbia, enquanto a decisão acontece no Brasil.

O jogo ? Precisando da vitória por, pelo menos, dois gols de diferença, os donos da casa começaram buscando mais o ataque, enquanto os pernambucanos tentavam valorizar a vantagem conquistada na ida.

Na primeira chance clara, porém, os campineiros conseguiram o gol. Aos 16, Renato Cajá bateu falta direto, mas no meio do caminho a bola parou no pé de Lucca. O atacante, com tranquilidade, tirou de Magrão para abrir o placar.

Ainda que precisasse de mais um tento para a classificação, a Ponte perdeu um pouco o ritmo e quase levou o empate. Aos 27, Lenis tentou cruzar e carimbou o travessão de João Carlos, substituto do lesionado Aranha.

A situação dos alvinegros piorou aos 34. O lateral Nino Paraíba levou o segundo amarelo, deixando o time com um a menos. Ainda antes do intervalo, Léo Gamalho teve chance de ampliar, mas parou em Magrão. Assim, as equipes foram aos vestiários com 1 a 0 no marcador.

Na segunda etapa, a Ponte se ressentiu do homem a menos em campo e não conseguiu aplicar pressão em cima dos rivais. O Sport, jogando com a vantagem, administrava a posse, sem criar chances, o que deixou a partida morna.

Com a partida caminhando para a reta final, os rubro-negros rondavam mais a área rival, cruzando bolas na área e se aproximando do empate. Aos 39, Thomás teve chance clara, mas sua finalização foi travada. Quatro minutos depois, Anselmo arrematou de longe, e João Carlos salvou.

A última e grande oportunidade da Ponte veio já nos acréscimos. A defesa pernambucana bobeou e Léo Gamalho ficou livre para chutar. O goleiro Magrão fez excelente intervenção, garantindo a vaga dos comandados de Luxemburgo.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 1 x 0 SPORT

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)

Data: 20 de setembro de 2017, quarta-feira

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Roddy Zambrano (Equador)

Assistentes: Byron Romero (Equador) e Juan Carlos Macias (Equador)

Público: 3.890 pessoas

Renda: R$ 43.700,00

Cartões amarelos: Saraiva, Nino Paraíba, Léo Gamalho, Claudinho (Ponte Preta), Sander, Thomás, Lenis, Patrick (Sport)

Cartão vermelho: Nino Paraíba (Ponte Preta)

Gols: PONTE PRETA: Lucca, aos 16 minutos do primeiro tempo

PONTE PRETA: João Carlos; Nino Paraíba, Marllon, Luan Peres e Danilo; Naldo (Wendel) e Elton; Renato Cajá (Claudinho), Saraiva (Jeferson) e Lucca; Léo Gamalho

Técnico: João Brigatti

SPORT: Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Henríquez e Sander (Thomás); Rithely e Patrick (Anselmo); Lenis (Rogério), Diego Souza e Mena; André

Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Gazeta Esportiva

TAGS