PUBLICIDADE
Esportes

F1 quer ter estrutura de categorias similar à da MotoGP

A Fórmula 1 planeja ter uma estrutura de categorias inferiores da mesma maneira que acontece no MotoGP e suas classes inferiores, revelou Charlie Whiting, diretor de provas da FIA, durante o lançamento do novo carro da F2. De acordo com o executivo, o grupo Liberty Media, que é o proprietário da F1, quer deixar as [?]

21:15 | 01/09/2017

A Fórmula 1 planeja ter uma estrutura de categorias inferiores da mesma maneira que acontece no MotoGP e suas classes inferiores, revelou Charlie Whiting, diretor de provas da FIA, durante o lançamento do novo carro da F2.

De acordo com o executivo, o grupo Liberty Media, que é o proprietário da F1, quer deixar as categorias mais próximas em nível. ?A estrutura da MotoGP é certamente aquilo que os detentores dos direitos comerciais gostariam de ver, e estamos trabalhando duro para conseguir isso?, disse Whiting, segundo o site Crash.net.

?A ideia com este carro na F2 é aproximá-lo da F1 o máximo possível. Acho que eles conseguiram isso. Tudo foi feito com a intenção de parecer mais moderno e permanecer assim por um tempo. Quanto ao motor, o plano é usar o mesmo para a GP3 e F2, com um aspirado e outro turbo?, completou.

As principais novidades do carro da F2 foi a mudança da dimensão, a presença do Halo ? proteção à frente do carro ? e o novo motor. A ideia é aproximar a categoria da F1.

Ross Brawn, diretor técnico da maior competição de automobilismo da atualidade, também falou sobre a ideia de ter categorias inferiores. ?Queremos que essa seja a estrutura lógica em termos de pilotos, fãs e comercialmente falando. Queremos introduzir patrocinadores para a F2 e GP3, para que elas se tornem grandes parceiras de equipes da F1. Isso deve ser uma ótima iniciativa. A F1 se esforçará comercialmente para ajudar a F2 e GP3, que, espero, se tornará F3 em 2019?.

Gazeta Esportiva

TAGS