PUBLICIDADE
Esportes

Ex-secretário da ONU é o novo presidente da comissão de ética do COI

Nesta quinta-feira, a comissão de Ética do Comitê Olímpico Internacional conheceu seu novo presidente. Com 74 votos a seu favor, o ex-secretário geral da ONU Ban Ki-moon foi o eleito e substituirá o senegalês Youssoupha Ndiay. Após a vitória, o sul-coreano agradeceu aos membros da entidade e disse que terá uma grande responsabilidade. ?Quero expressar minha gratidão [?]

15:30 | 14/09/2017

Nesta quinta-feira, a comissão de Ética do Comitê Olímpico Internacional conheceu seu novo presidente. Com 74 votos a seu favor, o ex-secretário geral da ONU Ban Ki-moon foi o eleito e substituirá o senegalês Youssoupha Ndiay. Após a vitória, o sul-coreano agradeceu aos membros da entidade e disse que terá uma grande responsabilidade.

?Quero expressar minha gratidão aos membros por me eleger presidente da Comissão de Ética. É um orgulho aceitar essa séria responsabilidade. Podemos ganhar o respeito e a confiança do público. Asseguro que farei o meu melhor para contribuir para o grande sucesso do COI. Em nome do COI, quero promover maior transparência e boa governança?.

Entre as primeiras tarefas do novo presidente será o caso de Carlos Arthur Nuzman sobre suposta compra de votos envolvendo a escolha do Rio de Janeiro para sede dos Jogos Olímpicos de 2016. Secretário-geral da ONU entre 2007 e 2016, ele sempre teve relação próxima com o movimento olímpico.

 

Gazeta Esportiva

TAGS