PUBLICIDADE
Esportes

Apesar de eliminação, Brigatti destaca dedicação da Ponte

A Ponte Preta superou o Sport por 1 a 0 mas, por conta da derrota na ida por 3 a 1, acabou eliminada da Copa Sul-Americana. De qualquer forma, o técnico interino João Brigatti, que comandou o time nesta quarta, precedendo a chegada de Eduardo Baptista, exaltou a dedicação de sua equipe. ?Hoje nós encarnamos [?]

22:15 | 20/09/2017

A Ponte Preta superou o Sport por 1 a 0 mas, por conta da derrota na ida por 3 a 1, acabou eliminada da Copa Sul-Americana. De qualquer forma, o técnico interino João Brigatti, que comandou o time nesta quarta, precedendo a chegada de Eduardo Baptista, exaltou a dedicação de sua equipe.

?Hoje nós encarnamos o espírito da Ponte, nada mais do que isso. Não conseguimos a classificação por pouco, mas a torcida está satisfeita. Estamos satisfeitos com a atitude?, destacou o comandante.

Brigatti fez questão de ressaltar que não há segredos no futebol, colocando a necessidade de trabalho duro para que os resultados apareçam. ?Aqui não tem mágica. Ou a gente rala, ou não consegue vencer. Estão extenuados lá no vestiário, hoje sim foi a cara da Ponte Preta?, declarou.

Sem a Sul-Americana, todo o foco da Macaca vai para o Campeonato Brasileiro. Com 28 pontos, os campineiros estão apenas um acima da degola. Agora sob o comando de Eduardo Baptista, anunciado nesta quarta, o objetivo é garantir a permanência na elite.

?A atuação de hoje nos dá alento, porque estamos em má situação no Brasileiro, mas com essa coragem a Ponte não vai cair, as coisas vão se ajustar?, finalizou o interino.

O próximo duelo da Ponte é no domingo, às 16 horas (de Brasília), na Arena Condá, contra a Chapecoense, pela 25ª rodada do Nacional. A partida deve marcar a reestreia de Eduardo Baptista no clube.

Gazeta Esportiva

TAGS