PUBLICIDADE
Esportes

Iannone pede paciência, mas exalta aprendizado e melhorias na Suzuki

Andrea Iannone está em sua primeira temporada com a Suzuki e não está tendo um ano fácil na MotoGP. Após 11 corridas no ano, o italiano está apenas na 16ª colocação, com 33 pontos conquistados, tendo como melhor resultado o sétimo lugar em Austin. No domingo, o piloto foi o 11º no GP da Áustria, [?]

14:09 | 15/08/2017

Andrea Iannone está em sua primeira temporada com a Suzuki e não está tendo um ano fácil na MotoGP. Após 11 corridas no ano, o italiano está apenas na 16ª colocação, com 33 pontos conquistados, tendo como melhor resultado o sétimo lugar em Austin. No domingo, o piloto foi o 11º no GP da Áustria, mas destacou pontos positivos da prova.

?Para mim, este fim de semana foi positivo, apesar de a posição final não ter sido satisfatória. Fizemos algumas melhorias e diminuímos a diferença. Em muitos momentos na Áustria, estávamos perto da competitividade que gostaríamos de ter. Precisamos ser pacientes, mas nessas duas últimas corridas nós aprendemos muito, e isso será útil?, declarou.

Iannone ainda destacou que um dos grandes problemas no GP da Áustria foi a queda de desempenho dos pneus, que prejudicou a performance da equipe. O outro piloto da Suzuki, o espanhol Álex Rins, foi apenas o 16º. Mesmo assim, Andrea acredita que o time está se esforçando para melhorar.

?Sofremos com a queda de rendimento dos pneus, mas estamos trabalhando nisso e vejo respostas positivas da Suzuki. A solução é alcançável, mas não tão imediata quando desejamos, então precisamos aguentar e continuar. Não sou o único, e todos estão fazendo esforço para melhorar?, finalizou.

 

Gazeta Esportiva

TAGS