PUBLICIDADE
Esportes

Fluminense bate Atlético-GO em mais um dia de emoção para Abel Braga

O Fluminense acabou com a sequência negativa de resultados no Campeonato Brasileiro ao vencer por 3 a 1 o Atlético-GO, neste sábado, no Maracanã. Com o resultado, os tricolores chegaram a 25 pontos, se afastaram da zona de rebaixamento e voltam a mirar o G6. Já os goianos seguem com apenas 12, na lanterna da [?]

10:24 | 08/08/2017

O Fluminense acabou com a sequência negativa de resultados no Campeonato Brasileiro ao vencer por 3 a 1 o Atlético-GO, neste sábado, no Maracanã. Com o resultado, os tricolores chegaram a 25 pontos, se afastaram da zona de rebaixamento e voltam a mirar o G6. Já os goianos seguem com apenas 12, na lanterna da Série A. A partida teve uma pitada extra de emoção com novas homenagens da torcida ao técnico Abel Braga, que sofreu um grande abalo pela morte de seu filho João Pedro no final de semana passado.

No primeiro tempo, o Fluminense começou bem e abriu o placar com Wendel. No entanto, o Atlético-GO empatou com Jorginho, mas viu os tricolores ficarem novamente à frente em seguida, com Wellington Silva. No segundo tempo, os donos da casa sacramentaram a vitória com Henrique Dourado.

Na próxima rodada, o Fluminense terá pela frente o Santos, no Pacaembu, na segunda-feira da semana que vem. Já o Atlético-GO vai receber o Coritiba, no Olímpico de Goiânia, no sábado.

O jogo ? O Fluminense começou a partida tentando pressionar o Atlético-GO, mas tinha dificuldade em criar boas jogadas. Os goianos, nos contra-ataques, tiveram as duas primeiras chances de abrir o placar. Niltinho e Andrigo arriscaram de fora da área, mas pararam em boas defesas de Julio Cesar.

No entanto, na primeira vez que conseguiu avançar com qualidade, o Fluminense chegou ao gol, aos 14 minutos. Após boa jogada de Wellington Silva, a bola chegou em Wendel, que só teve o trabalho de empurrar para a rede.

O revés não foi sentido pelo Atlético-GO, que permaneceu em busca do ataque. Os visitantes foram recompensados aos 23 minutos com o empate no Maracanã. Após lateral cobrado na área, Henrique se enrolou, viu Paulinho roubar a bola e chutar para o gol, sem chance para Julio Cesar.

A igualdade fez o Fluminense se voltar novamente ao ataque, mas os cariocas continuavam tendo problemas na criação das jogadas. Quando conseguiram chegar, os tricolores marcaram o segundo gol no Maracanã. Matheus Alessandro fez boa jogada pelo meio e tocou para Wellington Silva. O atacante finalizou com categoria, longe do alcance de Felipe Garcia.

Na parte final, o Atlético-GO pressionou os donos da casa. No entanto, os goianos passaram a ter dificuldade em transpor a marcação carioca. Assim, o Fluminense foi para o intervalo com a vantagem no placar.

No segundo tempo, os visitantes continuaram com uma postura mais ofensiva. O Atlético-GO criou sua primeira boa chance aos 11 minutos. Walter cruzou pela direita para Andrigo, mas a zaga conseguiu salvar os tricolores. O Fluminense errava muitos passes no meio, mas, assim como na etapa inicial, os cariocas chegaram ao gol quando avançaram com qualidade. Henrique Dourado aproveitou cruzamento e finalizou com força para a rede.

O revés, desta vez, foi sentido pelos goianos. Os visitantes se voltaram ainda mais ao ataque, mas viram o Fluminense quase marcar o quatro, aos 23 minutos. Em contra-ataque rápido, a bola chegou em Marlon Freitas, que chutou colocado, mas viu Felipe Garcia fazer a defesa. Depois, foi a vez de Marlon arriscar e parar no goleiro rubro-negro.

O Atlético-GO teve a chance de diminuir o prejuízo aos 26 minutos. Em avanço rápido, Andrigo recebeu passe na área, mas chutou cruzado, para fora. O lance foi o único de perigo criado pelos visitantes. O Fluminense passou a dominar o confronto, inclusive com posse de bola. Assim, os donos da casa administraram o resultado até o apito final.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 3 X 1 ATLÉTICO-GO

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 5 de agosto de 2017 (Sábado)

Horário: 19 horas (de Brasília)

Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)

Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)

Renda: R$ 651.020,00

Público: 24.098 pagantes

Cartões amarelos: Marlon Freitas (Fluminense); Andrigo, Bruno Pacheco e Luiz Fernando (Atlético-GO)

GOLS: FLUMINENSE: Wendel, aos 14min do primeiro tempo; Wellington Silva, aos 32min do primeiro tempo; Henrique Dourado, aos 13min do segundo tempo

ATLÉTICO-GO: Paulinho, aos 23min do primeiro tempo

FLUMINENSE: Júlio César, Norton (Robert), Henrique, Renato Chaves e Marlon; Marlon Freitas, Wendel e Gustavo Scarpa; Marcos Calazans (Matheus Alessandro), Wellington Silva (Peu) e Henrique Dourado

Técnico: Abel Braga

ATLÉTICO-GO: Felipe, André Castro, Gilvan, Roger Carvalho, Bruno Pacheco; Paulinho, Silva (Jonathan), Andrigo (Diego Rosa), Jorginho e Niltinho (Luiz Fernando); Walter

Técnico: João Paulo Sanches

TAGS