PUBLICIDADE
Esportes

Calderano perde para japonês e fica com o bronze na República Tcheca

O brasileiro Hugo Calderano irá voltar do Aberto da República Tcheca com mais uma medalha de bronze na bagagem. Após conquistar a terceira colocação nas duplas, o atual número 27 do ranking mundial chegou mais uma vez às semifinais, agora no individual, mas acabou derrotado pelo japonês Tomokazu Harimoto por 4 sets a 3, com [?]

19:15 | 26/08/2017

O brasileiro Hugo Calderano irá voltar do Aberto da República Tcheca com mais uma medalha de bronze na bagagem. Após conquistar a terceira colocação nas duplas, o atual número 27 do ranking mundial chegou mais uma vez às semifinais, agora no individual, mas acabou derrotado pelo japonês Tomokazu Harimoto por 4 sets a 3, com parciais de 6/11, 12/10, 4/11, 11/4, 11/9, 9/11 e 16/14.

A derrota em jogo equilibrado foi para um adversário extremamente promissor. Apesar de possuir apenas 14 anos de idade, Tomozaku Harimoto é uma grande promessa do tênis de mesa. O japonês já é o 20º colocado do ranking mundial e tem no currículo vitórias contra atletas top 10 do mundo, como seu compatriota Koki Niwa (9º) e o bielorrusso Vladimir Sasonov (10º).

A competição também trouxe grandes feitos para Hugo Calderano. Está é a segunda vez que o brasileiro chegou entre os primeiros colocados na categoria individual numa competição deste patamar, que é a segunda mais importante do circuito mundial. Em 2016, o atleta havia conquistado a medalha de prata no Aberto da Áustria.

Na trajetória no Aberto da República Tcheca, Calderano venceu o chinês Li Yijie, o japonês Kenta Matsudaira (16º do ranking) e Lin Yun-Ju (210º), de Taipei.

Gazeta Esportiva

TAGS