PUBLICIDADE
Esportes

Em baixa na F1, Fernando Alonso critica evolução do motor Honda

09:54 | 06/07/2017
NULL
NULL

[FOTO1] A fim de melhorar o desempenho da escuderia McLaren na temporada atual da Fórmula 1, a Honda fez alterações nos motores utilizados nos carros de Fernando Alonso e Stoffel Vandoorne. A evolução que previa uma melhora de cerca de 30 cavalos, porém, não agradou o piloto espanhol, que voltou a fazer duras críticas à automotiva japonesa.

 

“O novo motor não tem nenhuma mudança. Nós experimentamos em Baku [a última prova da temporada da F1], rodamos nos treinos livres e estávamos em último e penúltimo”, afirmou Fernando Alonso, nesta quarta-feira, à EFE.
Fernando Alonso foi campeão mundial da categoria em 2005 e 2006

 

Em seguida, continuou contundente: “Não há problema em dizer para a equipe fazer um comunicado de imprensa, mas o motor é praticamente o mesmo”, disse retratando a terceira campanha frustrante da parceria McLaren-Honda.

 

Otimista após conquistar os primeiros pontos na temporada, no GP do Azerbaijão, Fernando Alonso acredita em um melhor desempenho da equipe no GP da Áustria, neste domingo.

 

“Qualquer atualização do motor é bem-vinda, mas ainda há um longo caminho. Sei que melhoraremos e chegaremos, espero, a posições de ‘Top-10’, mas, logicamente, não vamos vender motor a cada semana”, completou. A situação incomoda o piloto e deixa seu futuro incerto na escuderia.

Gazeta Press

TAGS