Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Max Verstappen vence o GP do Canadá e amplia liderança na Fórmula 1

Piloto holandês da Red Bull Racing foi seguido por Carlos Sainz e Lewis Hamilton, que completaram o pódio

O holandês Max Verstappen foi o grande vencedor do Grande Prêmio do Canadá, realizado na tarde deste domingo, 19. O piloto da Red Bull Racing foi seguido pelo espanhol Carlos Sainz e pelo inglês Lewis Hamilton, que completaram o pódio. Com a vitória, Verstappen soma agora 175 pontos no mundial de Fórmula 1.

Esta é a nona etapa do mundial de F1, na qual o atual campeão Verstappen largou e finalizou a corrida em primeiro, mesmo com a forte pressão exercida por Carlos Sainz. É a sua sexta vitória na temporada.

Companheiro de Verstappen, Sergio Pérez não teve a mesma sorte. O mexicano teve problemas no motor e acabou abandonando a prova na nona volta. O piloto se manteve na segunda colocação da classificação geral, mas viu a diferença para Charles Leclerc diminuir de 13 para três pontos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O monegasco da Ferrari largou na última fila, fez uma corrida de recuperação e chegou na quinta colocação.

Após boa largada de Max Verstappen, Fernando Alonso e Carlos Sainz travaram um bom duelo pela segunda colocação. O experiente piloto da Alpine bem que tentou, mas foi ultrapassado na terceira volta.

O mexicano Sergio Pérez teve um final de semana para esquecer. O piloto foi eliminado no Q2 do treino classificatório e teve que abandonar a corrida na nona volta com problemas no motor.

Mick Schumacher foi outro piloto que encerrou mais cedo. O alemão largou em sexto, vinha na zona de pontuação, mas teve problemas mecânicos e se viu obrigado a parar.

Lewis Hamilton começou em quinto e fez ótima ultrapassagem em Fernando Alonso para assumir a terceira colocação na 23ª volta. Após isso, o piloto da Mercedes usou sua experiência para garantir mais um pódio na carreira.

Na 49ª volta, Yuki Tsunoda, da AlphaTauri, bateu na saída dos boxes e o safety car foi acionado. No reinício da prova na volta 55, Max Verstappen segurou a pressão de Carlos Sainz e se manteve na primeira colocação.

Dessa maneira, o holandês garantiu mais 25 pontos e chegou aos 175 na classificação geral. Sérgio Pérez continua na segunda posição com 129, seguido por Charles Leclerc com 126.

Os pilotos agora voltam suas atenções ao GP da Grã-Bretanha, a décima etapa deste ano. A corrida no Circuito de Silverstone ocorre no dia 3 de julho, às 11 horas (de Brasília).

Com Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar