PUBLICIDADE
São Paulo FC
NOTÍCIA

São Paulo leva vantagem sobre o Grêmio em histórico de confrontos mata-mata

O Tricolor do Morumbi precisa de uma vitória por dois gols de diferença para avançar à final da Copa do Brasil após 20 anos

10:49 | 30/12/2020
São Paulo e Grêmio decidem vaga na final da Copa do Brasil (Foto: )
São Paulo e Grêmio decidem vaga na final da Copa do Brasil (Foto: )

Há quem diga que o São Paulo carrega uma certa freguesia gaúcha por causa dos embates recentes contra Grêmio e Internacional. O Tricolor paulista já sofreu derrotas extremamente amargas para as duas equipes, como na final da Libertadores de 2006, para o Colorado, além da eliminação nas oitavas de final da edição seguinte do torneio continental para o Tricolor gaúcho.

Mas, pelo menos contra o Grêmio, a situação não é bem de freguesia, tanto no retrospecto geral quanto no retrospecto exclusivo em competições mata-mata. O São Paulo já enfrentou o Tricolor gaúcho 99 vezes na história, somando 37 vitórias, 29 empates e 33 derrotas. Marcou 123 gols e sofreu 108.

Em mata-mata, o São Paulo também leva vantagem. Embora contabilize sete derroas e tenha vencido o Grêmio seis vezes, além de outros seis empates, o Tricolor paulista se classificou em seis dos dez duelos eliminatórios contra o Tricolor gaúcho.

Os são-paulinos levaram a melhor na Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro de 1990, Supercopa Libertadores de 1993, Copa Conmebol de 1994, Copa Ouro de 1996 e Copa do Brasil de 1998. Já os gremistas despacharam o Tricolor paulista quatro vezes: na final do Brasileirão de 1981, Copa do Brasil de 1995, Copa do Brasil de 2001 e Libertadores de 2007.

Nesta quarta-feira, no Morumbi, o São Paulo precisa de uma vitória por dois gols de diferença para avançar à final da Copa do Brasil após 20 anos. A última vez que o Tricolor paulista chegou na decisão foi em 2000, perdendo para o Cruzeiro, no Mineirão, nos instantes finais da partida. Em caso de vitória por 1 a 0 sobre o Grêmio, a classificação será definida nos pênaltis. Já a equipe comandada por Renato Gaúcho avança com qualquer empate, já que venceu a ida por 1 a 0.