PUBLICIDADE
Esportes

Veja quem volta em alta após pré-temporada do São Paulo nos EUA

Os dez dias de atividades do São Paulo nos Estados Unidos serviram para André Jardine realizar ajustes e testes antes da estreia no Campeonato Paulista, contra o Mirassol, no próximo sábado, no Pacaembu. Pela Copa Flórida, o treinador utilizou 26 jogadores durante as derrotas para Eintracht Frankfurt-ALE (2 a 1) e Ajax-HOL (4 a 2), [?]

06:15 | 15/01/2019

Os dez dias de atividades do São Paulo nos Estados Unidos serviram para André Jardine realizar ajustes e testes antes da estreia no Campeonato Paulista, contra o Mirassol, no próximo sábado, no Pacaembu.

Pela Copa Flórida, o treinador utilizou 26 jogadores durante as derrotas para Eintracht Frankfurt-ALE (2 a 1) e Ajax-HOL (4 a 2), indicando o provável time titular para o primeiro compromisso no Estadual.

Apenas quatro atletas não foram acionados por Jardine: os goleiros Lucas Perri e Júnior, o lateral esquerdo Edimar e o atacante Gonzalo Carneiro. Este último seria utilizado contra o Ajax, mas ficou de fora por dores musculares. Já Tréllez participou do confronto, mas deixou o grupo para reforçar o Internacional por empréstimo.

Após desembarcar em Campinas na manhã desta terça-feira, o Tricolor terá o dia para descansar e retoma a parte final da pré-temporada nesta quarta, no CT da Barra Funda.

Abaixo, veja a análise de desempenho de cada um dos atletas nos EUA:

Goleiros

Titular contra o Eintracht Frankfurt, Tiago Volpi participou bastante das saídas de bola usando os pés e mostrou segurança pelo alto. Diante do Ajax, ele entrou no segundo tempo com o time considerado reserva e fez uma defesa difícil, mas foi prejudicado por um confuso sistema defensivo e levou quatro gols.

Jean, por sua vez, foi vítima do fogo amigo no único gol que levou na Copa Flórida. Na tentativa de afastar um cruzamento diante do Eintracht Frankfurt, ele viu a bola bater em Igor Vinícius e entrar no gol. Contra o Ajax, ele integrou a equipe titular e realizou grande defesa em cobrança de falta.

Laterais

Bruno Peres atuou na condição de titular nos dois jogos, mas foi o lateral que mais recebeu críticas. Frente ao Eintracht Frankfurt, errou domínio na área e cometeu o pênalti que resultou no primeiro gol do time alemão. No entanto, levou perigo em algumas descidas ao ataque e se mostrou mais sólido defensivamente contra o Ajax.

A tendência é que Bruno Peres inicie o Paulista como titular, já que Igor Vinícius não encantou durante o segundo tempo contra o Eintracht Frankfurt, em que revelou ter dificuldades com a parte defensiva.

Pelo lado esquerdo, Reinaldo foi bem ofensivamente e ainda deu o lançamento que culminou com o gol de Hernanes diante do Ajax. Já Léo mostrou que será o reserva imediato do camisa 6. Firme na marcação, ele ainda deu assistência para o gol de Brenner frente aos holandeses.

Zagueiros

Nos Estados Unidos, Arboleda reforçou seu status de titular. O equatoriano foi seguro por cima e por baixo em ambos os jogos. Já Anderson Martins esteve abaixo do esperado contra o Eintracht Frankfurt, mas se redimiu diante do Ajax e deve ser parceiro de Arboleda na estreia do Paulistão.

Bruno Alves, que foi bem no ano passado, fez parte do time reserva nos Estados Unidos. No primeiro jogo, teve Lucas Kal como companheiro e foi bem. Na segunda partida, formou dupla com o jovem Rodrigo. Neste dia, porém, o sistema defensivo foi mal e ele não conseguiu repetir o futebol apresentado em 2018.

Meio-campistas

O meio-campo titular do São Paulo foi formado por três jogadores durante a Copa Flórida. Jucilei, mais recuado, atuou na proteção da zaga, enquanto Hudson e Hernanes tinham mais liberdade para atacar. Especialmente no primeiro jogo, o Profeta mostrou ainda estar longe da forma física ideal, mas evoluiu no segundo e marcou um belo gol contra o Ajax.

Liziero, por sua vez, agradou principalmente contra o time alemão, mostrando boa chegada ao ataque. Diante da ofensividade do Ajax, contudo, ficou mais preso e não conseguiu se destacar. A tendência, porém, é que ele mantenha sua ascensão em 2019 e dispute com Hudson uma vaga de segundo volante.

Já Willian Farias foi o primeiro volante da equipe reserva e teve atuações discretas, assim como Araruna, que atuou como lateral direito contra o Ajax. A dupla iniciará a temporada na condição de reserva, mas o calendário cheio lhes proporcionará oportunidades ao longo do ano.

Atacantes

Na Copa Flórida, o ataque titular foi formado por Helinho, Everton e Pablo. O trio, inclusive, deve ser mantido para a estreia no Estadual. Os dois pontas foram bem, mas Helinho se destacou mais ao arriscar jogadas e chutes de fora da área.

Já Pablo, após uma atuação apagada no primeiro jogo, agradou na segunda partida ao dar grande passe para o gol de Hernanes. O atacante também mostrou bastante disposição ao buscar a bola fora da área.

Artilheiro do time em 2018, Diego Souza começa a nova temporada como reserva de Pablo. Contra o Eintracht Frankfurt, ele teve clareza e deu a assistência para o gol de Nenê. Diante do Ajax, ele sofreu uma pancada e saiu no começo da etapa final.

Nesse período nos Estados Unidos, Nenê mostrou que pode ser útil ao São Paulo mesmo como reserva. Foi dele o gol da equipe na derrota para o Eintracht Frankfurt, contra quem jogou aberto pela direita. No segundo jogo, mais centralizado, perdeu uma chance clara, mas participou bem das ações ofensivas.

Everton Felipe, que não foi bem em 2018, mostrou alguma evolução principalmente no primeiro jogo, quando exigiu grande defesa do goleiro Ronnow em chute de fora da área. Já Brenner, acionado somente contra o Ajax, surpreendeu positivamente ao marcar um gol e proporcionar movimentação ofensiva. Por fim, Biro Biro, longe do ritmo ideal, foi tímido como ponta direita contra os holandeses e precisa melhorar sua forma física para brigar por posição.

Gazeta Esportiva

TAGS