Após estreia, Igor Gomes prevê mais chances com Jardine no São PauloSão Paulo Futebol Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Após estreia, Igor Gomes prevê mais chances com Jardine no São Paulo

Aos 19 anos, Igor Gomes estreou como jogador profissional na última segunda-feira. Chamado aos 32 minutos do segundo tempo, pouco após Nenê desperdiçar cobrança de pênalti, o meia do São Paulo não conseguiu evitar o empate sem gols com o Sport, mas nem por isso deixou de celebrar o feito. ?[A estreia] Era um objetivo [?]

15:15 | 28/11/2018

Aos 19 anos, Igor Gomes estreou como jogador profissional na última segunda-feira. Chamado aos 32 minutos do segundo tempo, pouco após Nenê desperdiçar cobrança de pênalti, o meia do São Paulo não conseguiu evitar o empate sem gols com o Sport, mas nem por isso deixou de celebrar o feito.

?[A estreia] Era um objetivo meu. Não foi da maneira como eu queria, mas estou feliz de ter alcançado essa meta?, afirmou, pouco depois de ouvir vaias à equipe. ?Vamos vivenciar fases boas, fases ruins. Eu estou aqui para dar meu melhor sempre, independentemente da fase?, avisou.

Revelado nas categorias de base do São Paulo, o camisa 26 foi promovido por Diego Aguirre no fim de setembro, mas só foi aproveitado após a troca de técnicos. A efetivação de André Jardine, aliás, abre ainda mais espaço para os garotos de Cotia, na avaliação de Igor Gomes.

?Ele já trabalhou com a gente, nos viu crescer no CT de Cotia?, afirmou o jogador, vice-campeão da Copa São Paulo deste ano com o time sub-20, dirigido à época por Jardine. ?Com ele, facilita o processo. Tanto é que a cada jogo ele vem colocando os garotos da base. É bom para nossa bagagem, vai ser importante tê-lo como treinador efetivo?, celebrou.

Sem grande poderio financeiro para investir em reforços, o São Paulo pode recorrer aos garotos a fim de complementar o elenco para 2019. Quem garante é o próprio André Jardine, de quem se espera uma transição mais tranquila dos jovens atletas para o profissional.

?Uma das coisas boas que o São Paulo vai colher de mim é um conhecimento profundo desses meninos com muito potencial que temos na base?, afirmou o treinador, antes de ponderar.

?Claro que temos de ter responsabilidade de lançá-los. Alguns precisamos testar no jogo para ver como vai reagir, porque jogar no profissional é diferente, mas vamos nos apoiar muito nos meninos?, garantiu.

Gazeta Esportiva

TAGS