PUBLICIDADE
Esportes

Com Peru eliminado da Copa, São Paulo aguarda retorno de Cueva dia 9 de julho

Ao que tudo indica, Christian Cueva voltará ao São Paulo e será reforço do treinador Diego Aguirre para a etapa final de preparação visando o retorno do Campeonato Brasileiro. Com a eliminação precoce da seleção do Peru na Copa do Mundo, o meia receberá um curto período de folga e retornar ao clube paulista dia [?]

18:15 | 27/06/2018

Ao que tudo indica, Christian Cueva voltará ao São Paulo e será reforço do treinador Diego Aguirre para a etapa final de preparação visando o retorno do Campeonato Brasileiro. Com a eliminação precoce da seleção do Peru na Copa do Mundo, o meia receberá um curto período de folga e retornar ao clube paulista dia 9 de julho, quando o restante do elenco estará treinando em Cotia.

O destino do camisa 10, porém, segue uma incógnita. Precisando fazer caixa na janela de transferências e tendo em Cueva um de seus jogadores com mais potencial para isso, o São Paulo aguardava uma boa campanha e um rendimento de alto nível de seu jogador em solo russo para valorizá-lo, algo que aparentemente não será correspondido diante da eliminação precoce e das atuações discretas.

O rendimento do meio-campista no Mundial deve, inclusive, dificultar sua saída, já que as propostas não devem aparecer na quantia que a diretoria esperava. A postura do clube, ao menos externamente, é de reintegração e utilização do jogador caso sua permanência seja concretizada ao fim da janela. Depois de ver seu patrimônio perder até pênalti na competição de seleções, o São Paulo saiu em defesa do atleta, mostrando apoio pelas atuações que, nem de longe, chamaram atenção.

A necessidade de vender jogadores é pública por parte do tricolor. Depois das saídas de Marcos Guilherme e Valdívia, que não renderam nada aos cofres, o clube receberá R$ 22,1 milhões pela venda do volante Petros ao Al Nassr, da Arábia Saudita. Ainda assim, são especuladas as possíveis saídas, além de Cueva, de Éder Militão e Rodrigo Caio. O lateral-direito possui vínculo perto do fim e pode ser negociado, enquanto o zagueiro é sempre um nome especulado deixar o Morumbi.

Gazeta Esportiva

TAGS
Com Peru eliminado da Copa, São Paulo aguarda retorno de Cueva dia 9 de julhoSão Paulo Futebol Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes

Com Peru eliminado da Copa, São Paulo aguarda retorno de Cueva dia 9 de julho

Ao que tudo indica, Christian Cueva voltará ao São Paulo e será reforço do treinador Diego Aguirre para a etapa final de preparação visando o retorno do Campeonato Brasileiro. Com a eliminação precoce da seleção do Peru na Copa do Mundo, o meia receberá um curto período de folga e retornar ao clube paulista dia [?]

18:15 | 27/06/2018

Ao que tudo indica, Christian Cueva voltará ao São Paulo e será reforço do treinador Diego Aguirre para a etapa final de preparação visando o retorno do Campeonato Brasileiro. Com a eliminação precoce da seleção do Peru na Copa do Mundo, o meia receberá um curto período de folga e retornar ao clube paulista dia 9 de julho, quando o restante do elenco estará treinando em Cotia.

O destino do camisa 10, porém, segue uma incógnita. Precisando fazer caixa na janela de transferências e tendo em Cueva um de seus jogadores com mais potencial para isso, o São Paulo aguardava uma boa campanha e um rendimento de alto nível de seu jogador em solo russo para valorizá-lo, algo que aparentemente não será correspondido diante da eliminação precoce e das atuações discretas.

O rendimento do meio-campista no Mundial deve, inclusive, dificultar sua saída, já que as propostas não devem aparecer na quantia que a diretoria esperava. A postura do clube, ao menos externamente, é de reintegração e utilização do jogador caso sua permanência seja concretizada ao fim da janela. Depois de ver seu patrimônio perder até pênalti na competição de seleções, o São Paulo saiu em defesa do atleta, mostrando apoio pelas atuações que, nem de longe, chamaram atenção.

A necessidade de vender jogadores é pública por parte do tricolor. Depois das saídas de Marcos Guilherme e Valdívia, que não renderam nada aos cofres, o clube receberá R$ 22,1 milhões pela venda do volante Petros ao Al Nassr, da Arábia Saudita. Ainda assim, são especuladas as possíveis saídas, além de Cueva, de Éder Militão e Rodrigo Caio. O lateral-direito possui vínculo perto do fim e pode ser negociado, enquanto o zagueiro é sempre um nome especulado deixar o Morumbi.

Gazeta Esportiva

TAGS