Participamos do

Sem Arboleda, São Paulo deve voltar a jogar com dois zagueiros contra Fortaleza

Zagueiro equatoriano foi convocado para jogos das Eliminatórias, e Tricolor do Morumbi deverá ter Miranda e Léo na defesa diante do Leão, na próxima quarta-feira, 10
09:03 | Nov. 09, 2021
Autor Gazeta Esportiva
Foto do autor
Gazeta Esportiva Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O São Paulo deve voltar a contar com uma linha defensiva composta por quatro atletas, dois laterais e dois zagueiros, no duelo contra o Fortaleza, nesta quarta-feira, 10, às 21h30 (de Brasília), no Castelão, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Como Arboleda foi convocado para defender a seleção equatoriana nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo, o técnico Rogério Ceni deverá recorrer a Miranda e Léo para tentar superar o Leão do Pici, que briga por uma vaga direta para a próxima edição da Libertadores.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A ausência de Arboleda veio em boa hora para Léo. O lateral/zagueiro vem ganhando pontos com boa parte da torcida são-paulina graças às boas atuações recentes, mas poderia acabar voltando para o banco de reservas devido ao status do defensor equatoriano e de Miranda, dois pilares da defesa tricolor.

Mas, mesmo não sendo conhecido por usar sistematicamente um esquema com três zagueiros, Rogério Ceni optou por manter o trio nos últimos jogos, entendendo que Léo vinha sendo importante para o funcionamento da defesa do São Paulo.

Há a possibilidade de o Tricolor seguir insistindo no 3-5-2, já que Diego Costa e Bruno Alves são as duas opções para a zaga no banco de reservas, mas ambos não vivem grande momento. O segundo, inclusive, tem seu nome ventilado fora do São Paulo após mais de quatro anos.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags